2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

2ª Leitura Conjunta
User avatar
Dalilah
Comic Book
Posts: 165
Joined: 30 Jun 2005 15:37
Location: Odivelas
Contact:

2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Dalilah » 03 Aug 2005 08:36

Ok, então vá, começo eu.

Sinopse da editorial Presença:
A ideia que deu origem a este romance é basicamente simples, como todas as ideias geniais. Gaiman representa Londres não como uma cidade mas como duas, a Londres-de-Cima e a Londres-de-Baixo. O protagonista, Richard Mayhew é um rapaz cândido que vem da província para trabalhar em Londres.  Quando se cruzar com  Door, uma fugitiva que acolherá em sua casa, por humana compaixão, quebra o compromisso  com a noiva Jessica. Desde então descobre que ninguém o vê, como se nunca tivesse existido. Resta-lhe acompanhar Door na descida para as profundezas da cidade subterrânea, o mundo da escuridão, dos túneis, dos esgotos, dos edifícios abandonados. Esta fantasia urbana é o aclamado romance de estreia de Gaiman, brilhante, cheio de humor e graça, mesmo quando é assustador.



Prólogo:

Passa-se na véspera da partida da personagem principal do livro para um nova vida em Londres. Richard Mayhew arranjou um emprego na cidade e os amigos estão a fazer-lhe uma festa de despedida.
Com pouco interesse na festa, Richard vem para a rua onde tem uma conversa um tanto perturbadora com uma velha. No dia seguinte, parte para Londres.


1º Capítulo:

Uma rapariga é perseguida por dois homens através de passagens e túneis. Simultaneadmente, Richard segue com a sua vida normal em Londres. Tem uma noiva, Jessica, que conheceu em França. Esta pessoa é "assustadora" na opinião de um dos seus amigos e "realmente doce" na opinião de Richard.
Richar combinou com Jessica irem jantar fora com o patrão dela. Como de costume, está atrasado e ainda por cima não consegui marcar o restaurante que pretendia e nem tem coragem de contar isso à noiva.
A rapariga continua a ser perseguida.
Richard está em stress, mas com um pouco de sorte, acabou por se encontrar com Jessica a tempo. Dirigem-se ambos para o restaurante a pé, apressadamente. Finalmente, Richar toma coragem para dizer a Jessica que não consegui reservar o restaurante.
Os dois homens quase apanham a rapariga fugitiva, mas ela consegue passaar por uma porta e fugir para a rua.
Richard e Jessica encontram a jovem estendida no passeio imunda e ferida. Jessica está disposta a simplesmente ignorá-la, mas Richard quer ajudá-la e pára, apesar dos protestos de Jessica. Richar acaba por pegar na jovem, resolvido a levá-la para sua casa, apesar da ameaça de Jessica de terminar o noivado se ele se atrever a fazer tal coisa. Deixa então Jessica para trás e dirige-se ao seu apartamento com a rapariga no colo. À chegada, a jovem adormece assim que Richard a põe em cima da cama.


2º Capítulo:

Richard acorda de um pesadelo. tentando recuperar o fôlego. A jovem também já acordou e têm os dois uma conversa deveras desconcertnate. A jovem fala de uma maneira estranha e Richard começa a sentir-se desorientado.
Batem à porta. São os dois homens que perseguiam a jovem pelos túneis. Dizem que são irmãos dela e que ela está desaparecida, mas Richard mente e diz que nunca viu a jovem da fotografia que lhe mostram. Os homens forçam a entrada no apartamente e revistam-no, mas não encontram a rapariga que haviam dito se chamava Dooreen, o que deixa Richqar surpreendido a pensar onde se terá ela escondido. Quando eles saem, a rapariga reaparece e explica que a foto é de facto dela e que se chama Door e não Doreen. Não dá mais explicações.
Com algumas migalhas de pão, Door atrai uma pomba com a qual tem uma conversa perante o olhar incrédulo de Richard, e ata-lhe uma mensagem à perna. Pede-lhe que procure o Marquês de Carabas. A pomba assente e Door solta-a.
Richard tenta obter algumas explicações de Door, mas sem grande sucesso. Nisto, aparece uma ratazana com a qual Door tem de novo uma conversa e que lhe traz uma tira de papel castanho. Door explica a Richard que se trata de uma mensagem do marquês de Carabas. Pede-lhe que siga as indicações na mensagem e encontre o marquês.
Richard cai pelo caminho indicado na mensagem e chega a uma viela entre as casa. Aqui, encontra o marquês de Carabas, que, como Door, desenvolve com Richard um diálogo surpreendente que, entre outras coisas, engloba a família de Door. O marquês pergunta a Richar qual o acordo que Door lhe propõe, ao que richard responde que Dorr compromete-se a ficar a dever um grande favor ao marquês se ele a ajudar. O marquês dá-se por satisfeito e concorda em ajudar Door. Leva Richard a descer por uma escada de metal na parede debaixo de um boeiro e acabam por ir ter a um estranho sítio, aparentemente muito acima da cidade de Londres, conhecido como "mercado flutuante". O mais surpreendente acerca deste sítio é que aqui é de dia, quando Richard se lembra claramente de estar a anoitecer quando começou a caminhada com o marquês.
Aqui, encontram uma nova personagem, Old Bailey, a quem De Carabas declara ir cobrar um favor com mais de 20 anos e entrega uma caixa.
Richar e De Carabas voltam a caminhar e Richar dá por si a sair pelo aramário de arrumos do seu próprio prédio. Leva o marquês até Door, que parte com ele, depois de agradecer a Richard tudo o que fez por ela.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."<br><br>Cumprimentos,<br><br>Dalilah

User avatar
Dalilah
Comic Book
Posts: 165
Joined: 30 Jun 2005 15:37
Location: Odivelas
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Dalilah » 03 Aug 2005 13:04

Pois, isso a mim também me baralhou. :rolleyes:

Achei a personagem da Jessica detestável. Naquela altura em que ela fez fita porque não queria que o Richard ajudasse a Door, apeteceu-me esbofeteá-la!

Também estou a achar os dois primeiros capítulos estranhíssimos. Já me ocorreu que estas pessoas que ele tem conhecido, como a Door e o marquês, etc, venham do passado, pela maneira como falam. Ou talvez vivam numa sociedade com uma organização diferente... :blink:
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."<br><br>Cumprimentos,<br><br>Dalilah

User avatar
Dalilah
Comic Book
Posts: 165
Joined: 30 Jun 2005 15:37
Location: Odivelas
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Dalilah » 03 Aug 2005 15:27

E não é só isso. Há também uma parte em que a Door pergunta:

- A quem pertence este baronato? A quem pertence este feudo?
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."<br><br>Cumprimentos,<br><br>Dalilah

User avatar
acrisalves
Edição Única
Posts: 3490
Joined: 29 Dec 2004 13:53
Location: In a florest mist
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby acrisalves » 03 Aug 2005 15:56

Bem, a parte das portas descrita pela vidente também me fez pensar numa coisa - se não me engano, a Door abre uma porta e é assim que encontra o Richard... Fiquei com a impressão de existir um sistema de portas que permite algum tipo de transporte (?) - acho que já estou a pensar demasiado...

Mas sim, a noiva é uma personagem irritante... e a Londres dos esgotos parece ser do século passado... :)

E ... será só a mim que o livro me faz parecer um comic ou um daqueles filmes baseados em comics? personagens altamente esterotipadas (como a noiva), os vilões semelhantes a animais (ou com comportamentos semelhantes a animais), o ambiente ...

Green_Alien
Manifesto
Posts: 84
Joined: 28 Dec 2004 22:21
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Green_Alien » 04 Aug 2005 09:10

Bem vou ler estes capítulos ainda hoje...

Acrisalves quanto a te parecer comics é bem possivel por o autor também escrever comics! ;)

da_big_ticket_21
Encadernado a Couro
Posts: 367
Joined: 29 Dec 2004 12:59
Location: Vila do Conde, Porto
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby da_big_ticket_21 » 04 Aug 2005 18:54

Bem, do pouco que deu para ler (realmente, 2 capítulos por semana é pouco... :unsure: ) fica no ar uma história que traz um (sub)mundo alternativo, no mínimo misterioso. Estou a adorar a história, embora comece de uma maneira lenta, mas também ainda vamos no início...

Já deu para ver que a Jéssica tem uma personalidade irritante, o Richard é o típico "gajo bonzinho" vindo da aldeia e que se sente um pouco perdido em Londres. Quanto aos outros personagens (Door, Marquês de Carabás, Croup e Vandemar) ainda estou um pouco reticente... Mas deu para concluir que a maneira como eles tão organizados é diferente conforme a quote acima citada:

- A quem pertence este baronato? A quem pertence este feudo?


P.S.: estou com uma vontade enorme de continuar a leitura... :drool: :lol!:
<img src="http://img231.imageshack.us/img231/5540/eusai12ez.jpg" border="0" class="linked-image" /><br /><br /><img src="http://gherunnai.no.sapo.pt/bar-porto.gif" border="0" class="linked-image" /><img src="http://ruimoura.net/imagem/minnesota.jpg" border="0" class="linked-image" />

Green_Alien
Manifesto
Posts: 84
Joined: 28 Dec 2004 22:21
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Green_Alien » 06 Aug 2005 12:11

Gostei bastante deste dois primeiros capítulos e a história até já foi bem desenvolvida e ja se ve que vais existir muito mistério! ;)

O segundo poema que inicia o livro é bastante bonito...

A parte da velha mendiga que fala com o Richard ainda na Escócia não gostei muito... Já cansa em muitos livros sempre aparecer uma personagem que adivinha o futuro...<_<

O facto de Gaiman contar várias histórias ao mesmo tempo gostei muito. Estou a falar de ele contar o que se está a passar com a Door e depois contar a vida de Richar e depois voltar a Door! Achei muito interessante e mais revelador, e dá-nos mais a ideia do tempo em que se passam as coisas! ;)

Concordo com a acrisalves quando diz que existe um sistema de portas que permite algum tipo de transporte. Concordo e acho que Door tem capacidade para se transportar para onde quiser e transpor o que quiser, acho que é o dom que herdou, como Carabas sugeriu qualquer coisa do género sobre a familia dela a esse respeito.

Eu acho que existem dois mundos, o da Londres de cima e o da Londres de baixo, completamente diferentes e que a Londres de cima não sabe da existencia da de baixo, mas a de baixo sabe a existencia da londres de cima... Sendo a Londres de cima a Londres normal que conhecemos (o nosso mundo) e a Londres de baixo outro mundo onde vivem pessoas diferentes e que vivem durante séculos sem morrer...

Ao contrário de todos até achei piada à Jessica! ;)

Como é obvio ainda só vamos no inicio por isso muitas questoes se levantam, como por exemplo porque Mr Croup e Mr Vandemar estão a perseguir e a tentar matar Door?
O que acham que é aquela caixa prateada que o Carabas entregou ao Old Bailey para guardar? Acho que é impossivel de adivinhar... :o <_<

Em geral gostei dos 2 capítulos e a escrita de Gaiman é bastante agradável.

P.S.- E sempre consegui participar nesta leitura conjunta!! LOL

User avatar
acrisalves
Edição Única
Posts: 3490
Joined: 29 Dec 2004 13:53
Location: In a florest mist
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby acrisalves » 07 Aug 2005 00:37

Kiflos wrote:
acrisalves wrote: E ... será só a mim que o livro me faz parecer um comic ou um daqueles filmes baseados em comics? personagens altamente esterotipadas (como a noiva), os vilões semelhantes a animais (ou com comportamentos semelhantes a animais), o ambiente ...

E existe uma BD do Neverwhere do Neil Gaiman, e é a mesma história. Já sairam dois dos capítulos.

E pelo que vi de relance confirma-se pelas imagens da BD que eles não são animais, mas sim pessoas de uma sociedade passada, e mesmo assim algo estranha.

Não, não - eu não afirmei que eram animais, mas as descrições das personagens, fazem-me pensar em animais - com personalidade semelhante a ... há uma altura em que fazem mesmo uma comparação directa... (se a memória não me trai ) :D

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: 2ª Leitura conjunta - Capítulos 1 e 2

Postby Samwise » 09 Aug 2005 10:21

Em primeiro lugar...

Obrigado à Dalilah, pelo excelente resumo inicial!



Esta leitura conjunta começou bastante bem! Estamos de parabéns... houve iniciativa e participação.

Eu fui completamente apanhado de surpresa pelo livro. É uma leitura leve (como já foi dito) e extremamente cativante. A história é originalíssima e o tom de narrativa é apropriado. O sarcasmo é uma presença constante (ainda que de forma igualmente leve) agradável.

O Croup e o Vandemar são personagens irresistíveis. A maldade de mãos dadas com a comicidade.
A Jessica é um estereotipo perfeitamente enquadrado. O Richard ama uma mulher que não é para ele. Coisas do amor...!
Prevejo uma caminada do personagem principal em duas linha distintas, simultâneas mas paralelas:
1 - A caminhada para o abismo, no sentido físico do termo (da Londres de cima para a Londres de baixo)
2 - A caminhada inversa, no sentido da descoberta do seu próprio eu... e do amor, que vai mudar de objecto-de-desejo/protagonista (será?)...

SamW
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -


Return to “NeverWhere”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron