Palavra

Aberto a todos, quer para colocação de propostas, quer para participação nas mesmas. Atenção: ler regulamento antes de participar.
User avatar
azert
Edição Única
Posts: 2705
Joined: 14 Sep 2007 12:30
Location: Braga
Contact:

Re: Palavra

Postby azert » 19 May 2009 22:12

Hmmm... só há um pequeno senão: "ouvistes" refere-se à segunda pessoa do plural, não do singular. :rolleyes:

Eu ouvi
Tu ouviste
Ele ouviu

Nós ouvimos
Vós ouvistes
Eles ouviram
Image Image

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: Palavra

Postby Sharky » 19 May 2009 22:27

Ouvistes, palavras de decadência
Ouvistes, sinais de pobreza
Ouvistes, vozes de descontentamento
Ouvistes, velhos corações
Ouvistes, melodias secas

A minha voz escondida, não ouvistes vós


Sorry, ando cansado :bash-combo:

User avatar
azert
Edição Única
Posts: 2705
Joined: 14 Sep 2007 12:30
Location: Braga
Contact:

Re: Palavra

Postby azert » 28 May 2009 21:25

Sharky wrote:Aferir :thumbsup:


Foram dias e dias à espera de que aparecesse alguém. A repetida ausência aferiu que o desafio tinha encalhado.

Toalha
Image Image

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: Palavra

Postby Sharky » 28 May 2009 21:56

-Peguei na tua mão transpirada e levei-te comigo, aconchegados e ainda suados, lembras-te?

<!--fonto:Century Gothic--><span style="font-family:Century Gothic"><!--/fonto--><!--coloro:#000000--><!--/coloro-->Que noite maravilhosa, os meus lábios nos dela, o meu dedo na vagina dela e gemendo, dizendo o quanto me desejava, aquele momento em que a encostei á parede e penetrei-a cheio de pujança, com todas as minhas forças depois de um dia de trabalho haaa...

<!--fonto:Arial--><span style="font-family:Arial"><!--/fonto-->-<!--fontc-->
<!--/fontc--><!--fonto:Verdana--><span style="font-family:Verdana"><!--/fonto-->Pois é, meu lindo espelho, já te embaciei com as minhas recordações, não foi, deixa-me pegar na toalha que te limpo já.


Alma<!--fontc-->[/color]<!--/fontc--><!--colorc-->[/color]<!--/colorc--><!--fontc-->[/color]<!--/fontc-->

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Palavra

Postby Samwise » 29 May 2009 10:16

Após o último suspiro do hospedeiro, desprendeu-se daquele corpo onde há muito se achava aprisionada. Flutuou em ascensão graciosa até ao céu.
Subiu e subiu e nada encontrou. Não conseguiu dar pelas portas do paraíso. Deixou-se então ficar em órbita estacionária terrestre, junto a uma infinidade de outros seus semelhante sem casa, rumo, ou palpabilidade.

Palavra seguinte: Satélite.

Sam
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
azert
Edição Única
Posts: 2705
Joined: 14 Sep 2007 12:30
Location: Braga
Contact:

Re: Palavra

Postby azert » 29 May 2009 21:53

Samwise wrote:Palavra seguinte: Satélite.


Lembro-me de quando ocupavas o espaço que vai das minhas virilhas ao meu pescoço. Assim de pequeno eras e trazia-te sempre rente a mim, num símile têxtil de uma bolsa de marsupial. Por seres o meu satélite, eu sentia-me uma estrela luminosa e quente.
Hoje a tua órbita é já maior e não pára de crescer. Mas mesmo sem cordão, alimentas-me a alma, como outrora eu teu corpo.


Próxima palavra: colchete
Image Image

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Palavra

Postby pco69 » 29 May 2009 22:46

azert wrote:(...)

Próxima palavra: colchete

Muito bonito o teu texto, Azert. :ilovefirefox:


Definição 1



Colchete, ou parênteses reto, é um símbolo utilizado na língua portuguesa, na matemática e também na informática. Em alguns casos, o parênteses têm maior precedência do que o colchete, noutros casos a precedência é igual.Também serve para as linguagem cientifica.Também quando se deseja inserir ,colocar uma reflexão. Ex.:Alencar,Jose de.O guarani, 2 ed.Rio de Janeiro,B.L, Garmir Editor[1864]



Definição 2

Colchete pode significar:

* Colchete: gancho de metal.
* Colchete: parêntese recto.
* Colchete: elemento arquitectónico.



Definição 3


col.che.te substantivo masculino

1. pequeno gancho metálico que prende na colcheta usado no vestuário como botão



Definição 4


Fatos de banho rapariga, menina Active Wear O soutien com colchete


Texto da palavra...

Naquele dia, não consegui.
Tu deixaste, mas eu era jovem.....
e o colchete...
O colchete foi horrivel

O clima passou e fui-me embora
Agora, tenho 40 anos, estou casado e tenho dois filhos
Mas ainda me recordo como se fosse ontem, quando ao desapertar alquele maldito colchete a aba do soutiem saltou e me bateu nos lábios

Ainda hoje me interrogo como explicaste aquele sangue todo nos lençois da tua cama :mrgreen4nw:


Próxima palavra ; "Tanga"
- que também tem pelo menos, dois significados :mrgreen4nw:
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
azert
Edição Única
Posts: 2705
Joined: 14 Sep 2007 12:30
Location: Braga
Contact:

Re: Palavra

Postby azert » 04 Jun 2009 17:25

pco69 wrote:Próxima palavra ; "Tanga"
- que também tem pelo menos, dois significados :mrgreen4nw:


Quando ela passou à minha frente, magificente, engasguei-me com a tanga. Desde então, o meu casamento anda precisado de uma manobra de Heimlich.

Próxima palavra: Vermelho
Image Image

User avatar
Sofiushka
Edição Limitada
Posts: 1048
Joined: 14 Dec 2007 22:58
Location: Porto
Contact:

Re: Palavra

Postby Sofiushka » 04 Jun 2009 23:01

Oh, eu bem que suspeitava.
Ia para o café com os amigos, voltava duas horas mais tarde com ar de cão. Sempre que tínhamos que ir à loja do cidadão, levava o carro pelo caminho mais longo. No metro, grunhia quando ouvia a estação terminal.
Francamente, o problema é dele. Casámos, pôs-se a questão e ele insistiu que fosse ele a mudar-se para cá. Nunca me disse nada, nunca se queixou. Tenho lá culpa se o homem só agora me diz que é benfiquista!
A minha avó bem me avisou para nunca casar com um mouro, mas ela também nunca bateu muito bem da cabeça. Era boavisteira.






Feira

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Palavra

Postby Bugman » 14 Sep 2009 13:26

Sons e cores que se misturam,
Produtos de todas as formas,
As mãos firmemente na carteira,
Quando me passeio pela Feira!


Next: Eleição
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Arsénio Mata
Livro Raro
Posts: 1773
Joined: 01 Oct 2009 20:41
Location: Portimão
Contact:

Re: Palavra

Postby Arsénio Mata » 01 Oct 2009 23:27

As massas andavam em festa, uma festa como há muito já não havia memória. Afinal, a eleição do salvador do mundo é motivo de festejo. Por enquanto...

Próxima Palavra: Iconoclasta
Only in the bloodline is this terror exposed
A knife to the eye of modern day times
Exactly what you've worked for.

A price for the pride
I can feel the distance coming
The holes in my lungs
Won't let me take this anymore.

http://umhomemsimpatico.tumblr.com/

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: Palavra

Postby Sharky » 02 Oct 2009 01:17

- Meu caro, gostou da lacaia que vos enviei a noite passada?
- Sim, devo dizer que foi uma noite requintada, já estava bebido, enfim, acontece que quando a lacaia estava a limpar e se debruçou, hum, não me contive e apanhei-a por trás.
- Fez uma bela investida, creio.
- Sim, correu lindamente, tinha pele macia e cheirava bem, ao contrário de outras, mas o problema surgiu depois, sabe, senti-me um pouco tonto depois de tanta energia gasta, tropecei no tapete e caí sobre o Altar de meu pai, não se aproveitou nada...
- Lamento ouvir isso, receio que vós ireis passar por iconoclasta, a nossa religião não perdoa, apesar de não acreditar nela, não devereis ignorá-la, será a vossa sentença.


Hipopotomonstrosesquipedaliofobia :lol2:

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: Palavra

Postby Gaminha » 02 Oct 2009 02:15

- Três mil e vinte e um, três mil e vinte e dois, três mil e vinte e três. - andando em círculos regulares no meio da relva apontando o céu, os números continuam a surgir.
- Que estás a fazer? - pergunta ela deitada no chão.
-Xuuuu. três mil e vinte e quatro, três mil e vinte e cinco. - sem parar de andar, sem parar de contar.
- Pára, pára, pára. - levanta-se e dá pequenos saltos sobre a relva.
- Três mil e vinte e seis, três mil e vinte e sete - contina a contar com círculos regulares e mãos levantas ao céu.
- Eu sei como te fazer parar! - ela aproxima-se muito o que ele já não gosta e começa a dizer muito depressa -Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico

Assustado, pára de contar e começa a tremer.
- Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico - continua ela.

Corre como se não houvesse amanhã na direcção à casa.
- Anticonstitucionalissimamente- grita-lhe ela ainda.
- Que se passou? - Pergunto eu ali de visita.
- Tem um estranha versão de Hipopotomonstrosesquipedaliofobia, não gosta de ouvir dizer palavras grandes. É a vantagem de ser a menos louca neste manicómio.







Próxima palavra: Vibrador

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Palavra

Postby pco69 » 02 Oct 2009 15:06

Ele era enorme, com músculos salientes debaixo daquela t-shirt rasgada. Movia-se elegantemente, quase como um felino enjaulado, atravessando todo o piso, uma vez e outra, sem reparar em todas as caras femininas que o observavam do outro lado.

Elas olhavam Com olhares lascivos. Desejosos. Penetrantes, Húmidos de paixão.

Desde o escritório de advogados do primeiro, até à firma de contabilidade do terceiro, elas olhavam e suspiravam.

As janelas estavam repletas enquanto ele transportava o enorme vibrador de um pilar para outro.
Aconchegando o betão.
Não deixando qualquer bolha de ar que afectasse a estrutura do edifício que ajudava a construir.



Próxima : "Malandrecas"
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: Palavra

Postby Gaminha » 02 Oct 2009 15:35

Eram quase 16h25 e Sr. Raul ainda vinha no alto da rua a descer com a bengala a marcar ritmo, tinha-se atrasado na tasca do filho. Suava em bica e e as gordas pernas não ajudavam. Ouviu o campainha e sentiu um leve despertar nas calças. Apressou-se mais um pouco, e quase se jogou sobre a cadeira da esplanada do café. Exausto endireitou-se na cadeira, pousando a boina sobre as virilhas, refastelando-se para trás.
Do outro lado da rua, saias curtas e rodadas, com belos tacões que lhes salientavam as pernas, peitos apertados a saltar por entre os botões das camisa... mais de 20 moças formosas a sair do curso de cabeleireiras. Labios pintados e cabelos a ondular.

Sr. Raul saltitava sobre a cadeira com a cerveja encostada ao bigode tremulo... Por fim, as duas loiras saíram, com passadas calmas e firmes conscientes dos velhos excitados do outro lado da rua.
Uma a mexer no cabelo suavemente, outra passando o dedo indicador por entre o decote da camisa.

- Malandrecas - balbuciou o Sr. Raul.
O dia estava ganho para o Sr. Raul e... para a esposa.





próxima palavra: chicote


Return to “Desafios BBdE”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 3 guests

cron