aquilo que sinto

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

aquilo que sinto

Postby pco69 » 24 Apr 2009 14:51

juro que não percebo
metade dos poemas que por aqui passam....
leio leio e não acedo
ao que na vossa mente pensaram....

será de mim?
será maledicência?
será assim?
será deficiência?

não sei!
pois não atinjo!
o que sei,
é aquilo que sinto!
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
azert
Edição Única
Posts: 2705
Joined: 14 Sep 2007 12:30
Location: Braga
Contact:

Re: aquilo que sinto

Postby azert » 24 Apr 2009 15:38

Eu diria que nem sempre compreender algo é condição indispensável para o apreciar.
Lembro-me de ter lido há uns anos uns poemas do Herberto Helder e de não ter percebido nada, mas de ter ficado siderada com eles.
Julgo que a poesia é mais intuitiva e apela mais aos sentidos do que à razão (embora esta não esteja excluída), por isso, se tens curiosidade em ler, lê e deixa-te levar. Ainda que a poesia que por cá se escreve não seja propriamente do calibre da de um Herberto.
Image Image

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: aquilo que sinto

Postby pco69 » 24 Apr 2009 15:55

há uma coisa que gostaria de explicar....
não é contra ninguém este meu balbuciar....
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: aquilo que sinto

Postby Samwise » 24 Apr 2009 16:07

Concordo com a ideia de "compreensão" lançada pela Azert, e ainda a levo um passo à frente: por vezes a nossa não-compreensão aumenta a intensidade da experiência aos nossos sentidos (ex: 2001 - A Space Odissey, e Mulholland Drive), porque, e aqui é que vem a parte importante, ao não compreendermos o nosso cérebro fica obrigatoriamente a matutar no assunto. Óbvio que o resto da experiência tem de ter sido de algum modo cativante, senão não funciona...

Ligando as coisas, considero o teu poema acaba por ser um algo contraditório no final, ao dizeres que "não sei!
pois não atinjo! o que sei, é aquilo que sinto!" - sendo que aquilo que sentes acaba por vezes por ser o que mais importa, percebendo ou não.

Sam
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: aquilo que sinto

Postby Samwise » 24 Apr 2009 16:08

pco69 wrote:há uma coisa que gostaria de explicar....
não é contra ninguém este meu balbuciar....


:lol2:

Isto é para podermos fazer as duas coisas ao mesmo tempo: perceber e apreciar. :biggrin:

Sam
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: aquilo que sinto

Postby pco69 » 24 Apr 2009 16:16

Samwise wrote:(...)
Ligando as coisas, considero o teu poema acaba por ser um algo contraditório no final, ao dizeres que "não sei!
pois não atinjo! o que sei, é aquilo que sinto!" - sendo que aquilo que sentes acaba por vezes por ser o que mais importa, percebendo ou não.

Sam

Quem não sente...
Não é filho de boa gente!
Mas há muito filho de boa gente...
Que não sente! :pcorn:
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...


Return to “pco69”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 4 guests

cron