The Shining - A luz

5ª leitura conjunta
urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 12:02

Thanatos wrote:Eu inclino-me para serem erros de continuidade. A lendária atenção de Kubrick para os detalhes não o impediu de mostrar os astronautas na Lua sem o efeito da fraca gravidade. Se calhar o homem preocupava-se tanto em obrigar o Scatman Crothers a repetir o plano em que entra no Hotel e leva com o machado -segundo parece até o Jack pediu ao Kubrick para ter pena do homem que já era velhote - que esse pormenores escaparam-lhe na sala de edição. :devil:


Se forem erros de continuidade então foi um tremendo sloppy job porque há coisas dessas às dezenas... (mais uns, o padrão do tapete muda de plano para plano, durante a visita ao hotel um carro deveria ter atropelado a família e o Ullman)

E a cena do machado está péssima. O jack telegrafa à distância que lhe vai machadar e o outro fica parado à espera do golpe.

User avatar
Forbidden
Capa Dura
Posts: 328
Joined: 01 Aug 2012 14:45
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Forbidden » 19 Sep 2013 12:07

urukai wrote:Sim há mais.

Mas a mais evidente é a da janela impossível. E depois há outras pequenas dissincronias interessantes. O anão Dopey (dos 7 anóes) desaparece da porta do quarto do Danny depois de ele ter o primeiro ataque (quando lá vai a pediatra). E a explicação é que ele deixou de ser "dopey" em relação à realidade.

Desaparecem cadeiras quando o plano muda e a máquina de escrever muda de cor.

Terá sido isto propositado (supostamente o Kubrick era mt detail oriented)? Ou foram erros?


E as tais sombras do helicóptero, que ele deixou passar? E eu acho que se veem quer seja em 16:9 quer em 4:3...
"I took a deep breath and listened to the old brag of my heart: I am, I am, I am."

- Sylvia Plath

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 12:11

Por este andar o Shining ainda ganha o prémio Razzie. :twisted:

BTW, já viram a versão "uncut" com a ida do Danny à pediatra e outras cenas? E que dizem da suposta cena final no hospital em que o Ullman diz à Shelley que não encontraram o corpo do Jack?
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Forbidden
Capa Dura
Posts: 328
Joined: 01 Aug 2012 14:45
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Forbidden » 19 Sep 2013 12:16

Thanatos wrote:Por este andar o Shining ainda ganha o prémio Razzie. :twisted:



Ui, nem pensar, pra mim é um filme excelente mesmo! Talvez quando ler o livro mude a opinião do filme, mas por enquanto considero-o muito bom mesmo. Mas o Kubrick é humano, e é normal que tenha deixado passar erros...
"I took a deep breath and listened to the old brag of my heart: I am, I am, I am."

- Sylvia Plath

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 12:19

Thanatos wrote:Por este andar o Shining ainda ganha o prémio Razzie. :twisted:

BTW, já viram a versão "uncut" com a ida do Danny à pediatra e outras cenas? E que dizem da suposta cena final no hospital em que o Ullman diz à Shelley que não encontraram o corpo do Jack?


Não sabia dessa versão uncut. Tenho de ver.

De qualquer dos modos o Dr. Sleep abre com o aftermath do
Spoiler! :
incêndio no Overlook
. :clap: :clap: :clap:

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 12:28

urukai, se optares pela "loja" Torrente vais facilmente encontrar a versão USA de 140 minutos que é a tal "uncut". Note-se que foi o próprio Kubrick que preferiu a versão europeia com os cortes. Basicamente retirou todas as cenas que não se passam no hotel à exceção de uma ou duas para reforçar mais a atmosfera. Comparando as duas versões eu diria que a europeia é mais tight e a norte-americana é mais parecida com a mini-série de TV posterior.

BTW: sabiam que IT também anda na calha para um remake?
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 12:52

Samwise wrote:
Thanatos wrote:Hoje em dia é impossível ouvir o Also Sprach Zaratustra de Strauss sem ver aquele alinhamento dos planetas.


Acho que isso diz tudo sobre a capacidade de influência de um homem das artes sobre o consciente colectivo, ou seja, sobre o seu valor.




Por acaso no outro dia fiquei a remoer esta tua afirmação e hoje ao olhar para o CD do Vangelis percebi o alcance. É que a bem ver hoje em dia qualquer coisa que meta gente a correr vem servida com a música do Chariots of Fire e nem de perto nem de longe alguém confunde o filme como algo influenciador e/ou artístico. O que sucede é que é uma mera apropriação de elementos pelo subconsciente coletivo que se auto-propaga em todos os mídia.

E a propósito de melhores filmes de Sci Fi não posso deixar passar em branco a recente edição da Criterion de Seconds de John Frankenheimer. Para quem pensa que sci fi começa e acaba em 2001 desafio-o a ver este filme e depois afirmar que não merece um lugar no pódio dos "melhores".
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Samwise » 19 Sep 2013 13:35

Thanatos wrote: O que sucede é que é uma mera apropriação de elementos pelo subconsciente coletivo que se auto-propaga em todos os mídia.


O que sucede é que ninguem dá meio cavaco furado pelo "cinema" do Hugh Hudson... :mrgreen: (e nem quero pensar no que o tema "Conquest of Paradise" me faz lembrar fora do contexto do "Colombo...")

Mas Ok, tens razão numa coisa - e permite-me então que acescente o termo "cinéfilo" à expressão "Consciente colectivo". De cada filme do Kubrick - ou uma boa parte deles - podemos extrair imagens que toda a gente minimamente interessada por cinema conhece e tem em boa conta, e isto para além do tal (ab)uso propagandístico nos mídia que as torna disponíveis para memorização pelas massas. Os macacos e o Zaratustra é uma, a valsa no espaço é outra, o "Heeeere's Jonnhy!" é outra, as pingas a verterem sobre os globos oculares do Malcolm McDowell ao som da nona é outra, o sargento instrutor a cortar pela raiz os sinais de individualismo dos marines na recruta é outro, a Nicole a ser abraçada e beijada pelo Tom enquanto se olha ao espelo ("I'b been a bad, bad boy...") é ainda outra , etc, etc

---

Quanto ao resto, concedo que vi poucos filmes de FC, mas ainda assim penso que terei visto uma grande parte dos que estão identificadas em vários "catálogos" como sendo as mais importantes/melhores/mais consideradas dentro do género. É possível que me tenham escapado algumas "gemas", mas em todo o caso, interpreta essa minha afirmação do "best ever" como uma mera manifestação de gosto pessoal. Posso vir a engolir estas palavras (e sinceramente espero que esse cenário possa acontecer), mas considero difícil poder um dia vir a gostar mais de uma obra de FC do que aquilo que gosto do 2001 neste momento. Entre este e os outros ainda vai uma grande distância (assim como da Terra a Jupiter... :P ).
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4347
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Bugman » 19 Sep 2013 15:44

Thanatos wrote:que esse pormenores escaparam-lhe na sala de edição. :devil:


Ja era tarde. A essa hora os aderecistas já estavam em parte incerta para nao terem de regressar! :twisted:
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela


Return to “The Shining - A Luz”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron