The Shining - A luz

5ª leitura conjunta
User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 18 Sep 2013 09:27

A série arranja-se bem na loja "torrente" ou para quem quiser contribuir para o relançamento da economia anda à venda em DVD nos locais do costume.

A questão que apontas das imagens e da música é precisamente o que me faz considerar o Kubrick overrated. Primeiro porque essas imagens foram captadas pela segunda unidade e pelo realizador assistente, segundo porque de facto é a escolha sensível da música que empresta aos filmes 70% ou mais da sua aura lendária. Veja-se 2001 como exemplo máximo. Caso tivesse optado pela música de Alex North o filme decerto perderia muito do seu impacto. Hoje em dia é impossível ouvir o Also Sprach Zaratustra de Strauss sem ver aquele alinhamento dos planetas.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 18 Sep 2013 09:31

Obrigado pela dica.

Quanto ao Kubrick concordo tem esses apontamentos mt bem conseguidos, com ajuda de outros ou ideia dele, mas como realizador os seus filmes são desconexos e ficam aquém quando o produto final é visionado. Este Shining vive mt da interpretação do Nicholson e tudo o resto soa ou a falso (prestei atenção à Wendy e, quando não está em pânico, é uma péssima actriz, por exemplo, quando interrompe o Jack as falas parecem lidas do teleponto) ou não tem grande coerência narrativa.

ps- nunca vi o 2001.

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Samwise » 18 Sep 2013 09:56

Thanatos wrote:Hoje em dia é impossível ouvir o Also Sprach Zaratustra de Strauss sem ver aquele alinhamento dos planetas.


Acho que isso diz tudo sobre a capacidade de influência de um homem das artes sobre o consciente colectivo, ou seja, sobre o seu valor.

Curiosamente, o Shining era o filme dele que não me entrou no goto ao longo de uns quase 30 anos e neste momento já o coloco também no altar onde estão os outros. :bow:

Eu comecei a ver a série e sinceramente... :blerk: Mais fiel ao enredo do livro, sem dúvida, mas e então?
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 18 Sep 2013 10:21

Então é porque enquanto o filme do Kubrick descarta toda a complexidade do pai (que também é telepata, apenas nunca soube trabalhar esse aspecto) apresentando-o logo, graças à interpretação de Jack, como uma personagem algo sinistra, na série o pai é alguém verdadeiramente interessado na recuperação e que faz todos os esforços por ser afável com a família. Contrastando com a interpretação Kubrick/Jack que desde o princípio é antipático e anti-social.

Depois aquele labirinto não lembra ao diabo, uma opção francamente idiota quando comparado com o significado metafórico da menagerie.

Mas, claro, tudo isto são leituras. Assim como tu levaste 30 anos a gostar do The Shining eu levei outros tantos a perceber a falta de humanismo do Kubrick. Aliás há tempos li uma entrevista do Chris Foss acerca do período em que ele trabalhou com Kubrick e o mesmo dizia que o homem era tudo menos criativo/artístico. Fazia-o atravessar a herdade toda a meio da noite para discutir com ele esboços incompletos sem ter a percepção da forma como um artista trabalha e do espaço que o mesmo precisa (sem intromissões) para poder criar o trabalho final.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4349
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Bugman » 18 Sep 2013 11:54

urukai wrote:ps- nunca vi o 2001.

O 2001 nao se vê, dorme-se...

Se tirarmos o Nicholson, também acho que nao há filme. Já o livro vive de muito mais do que o Torrance (so para nao dizerem que isto é tudo fora de tópico :whistle: ).
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Samwise » 19 Sep 2013 11:02

Eu partilho da tua crítica em relação à escolha do Nicholson - e ainda tenho mais duas ou três a acrescentar (continuo sem gostar da escolha da Shelley Duvall nem da prestação do miúdo, que considero muito irritantes) - mas o filme neste momento já me toma completamente refém do ambiente que o Kubrick consegue erguer, um patamar que raramente terá sido alcançado noutras obras do género "casa-assombrada", com mais ou menos psicologia à mistura.

Quanto ao 2001 - best SCI-FI movie ever! (dorme-se, mas ao menos que se durma bem :mrgreen: )
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 11:18

Sim o Danny é o maior toino à face da terra, roçando até a debilidade mental quando no livro era um puto astuto, maduro e esperto.

A Shelley, depois de ter visto o filme várias vezes nos últimos tempos, só brilha quando está com medo. No acting casual parece um boneco a repetir falas.

E concordo com o SAM. O ambiente é de cortar à faca. Nem eram precisos fantasmas. Aquela sequência do puto a andar de triciclo nos corredores inóspitos, com o alternar do som nas carpetes e nos tacos, é angustiante. E aqui há uma particularidade interessante. Numa das sequências, há várias, o percurso que o puto faz demonstra a impossibilidade da existência de uma janela no escritório do Ullman. Porque será que o Kubrick fez isto? Para confundir o espectador? Será que tem algum simbolismo? Terá sido um erro que ninguém detectou porque o escritório do Ullman não ficava no hotel mas sim num estúdio????

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 11:24

Estás a referir-te ao escritório onde o Torrance faz a entrevista? Onde está também o rádio? Tem uma janela? Vou ter de rever o filme mas já agora diz porque achas que é impossível ter janela?. Do que me lembro do puto ele só anda de triciclo no rés-do-chão e brinca com os carrinhos no andar de cima - o tal com o room 237.

Quanto ao 2001 ser o melhor filme de Sci Fi ever só pode ser ou a brincar ou porque viste poucos filmes de Sci Fi, Sam. O 2001 é uma estucha ainda maior que o Metropolis - que também tem honras no panteão - mas a verdade é que ao longo da história do cinema é bastantes "best ever sci fi movies" para conseguir dizer que este ou aqueloutro é que são os melhores. Mas isso é para outra discussão. ;)
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 11:28

O escritório é esse e tem uma janela gigantesca que ofusca os espectadores quando Jack entra pela primeira vez:

Image

(ps- já agora nesta foto podem ver o suposto hard on do Ullman quando cumprimenta o King... :rolleyes: )

Quanto à impossibilidade da janela, o documentário tem uma planta do andar de baixo e mostra o percurso efectuado pelo danny que passa num corredor (da cozinha penso) que fica exactamente por detrás dessa parede onde está a janela. Ou seja, a mesma é impossível existir, nem sequer com um jardim interno (uma vez que o escritório é no centro do hotel).

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 11:34

Mas a planta usada no documentário é real ou inventada? Tanto quanto me lembre o hotel é real pelo que a janela, efetivamente existiria. Nas sequências em que a Shelley fala no rádio não se vê a mesma janela?
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Forbidden
Capa Dura
Posts: 328
Joined: 01 Aug 2012 14:45
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Forbidden » 19 Sep 2013 11:37

Bugman wrote:
urukai wrote:ps- nunca vi o 2001.


O 2001 nao se vê, dorme-se...


Já me sinto feliz por não ser o único a achar o 2001 uma seca xD

Quanto a este livro, nunca li mas sou fa do filme, por isso hei-de ler um dia destes. Mas já sei que o filme e uma péssima adaptação do livro! E por isso que eu estou relutante em ver o Lolita do Kubrick...
"I took a deep breath and listened to the old brag of my heart: I am, I am, I am."

- Sylvia Plath

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 11:40

A planta é criada a partir das cenas que se vêem no filme.
O hotel é real mas acredito que haja cenas de estúdio. O escritório do Ullman é de estúdio pois, do que me lembro, só se vê a entrada para a zona de management e depois a cena corta para o Jack a entrar no escritório. A janela é impossível de acordo com a posição da sala real do hotel onde supostamente fica o escritório.

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 11:42

Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby urukai » 19 Sep 2013 11:47

Sim há mais.

Mas a mais evidente é a da janela impossível. E depois há outras pequenas dissincronias interessantes. O anão Dopey (dos 7 anóes) desaparece da porta do quarto do Danny depois de ele ter o primeiro ataque (quando lá vai a pediatra). E a explicação é que ele deixou de ser "dopey" em relação à realidade.

Desaparecem cadeiras quando o plano muda e a máquina de escrever muda de cor.

Terá sido isto propositado (supostamente o Kubrick era mt detail oriented)? Ou foram erros?

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Shining - A luz

Postby Thanatos » 19 Sep 2013 11:57

Eu inclino-me para serem erros de continuidade. A lendária atenção de Kubrick para os detalhes não o impediu de mostrar os astronautas na Lua sem o efeito da fraca gravidade. Se calhar o homem preocupava-se tanto em obrigar o Scatman Crothers a repetir o plano em que entra no Hotel e leva com o machado -segundo parece até o Jack pediu ao Kubrick para ter pena do homem que já era velhote - que esse pormenores escaparam-lhe na sala de edição. :devil:
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!


Return to “The Shining - A Luz”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron