Parte II

5ª leitura conjunta
User avatar
toiota
Livro Raro
Posts: 1554
Joined: 18 Feb 2009 14:27
Location: Casal do Marco
Contact:

Parte II

Postby toiota » 03 Nov 2009 14:09

Nesta segunda parte, para mim mais interessante do que a primeira, logo de início deparamo-nos com as personagens principais(Jack, Winnie e Danny) no seu Volkswagen a caminho da estância de férias da qual vão tomar conta durante a época em que está fechada ao público.
A parte de que mais gostei e que também quanto a mim é a mais interessante é quando comecem o senhor Hallorann, o cozinheiro, adorei a personagem, afinal Danny não está sozinho no que toca ao seu dom, e parece mais esclarecido acerca do mesmo.
Pela conversa entre Danny e o senhor Hallorann parece que Danny sempre tinha razão quanto a haver algo de estranho naquele hotel.
Mas será que quando o senhor Hallorann desafia Danny a ir com ele para a Florida, estará a querer salvar Danny de algo que lhe pode eventualmente acontecer no hotel e de tenha conhecimento através do seu dom? Ou será só uma maneira de tentar aligeirar um pouco o ambiente, pois sente que Danny está com medo de ter de fcar lá depois que do viu? Visto que ele lhe diz que se precisar de ajuda para o chamar através do pensamento que ele vai a correr, mas também por outro lado tenta que o miúdo fique mais calmo em relação ao que o espera, avisando-o de que existe algo naquele hotel e que não deve em circunstância alguma entrar no quarto nº 217, será que foi lá que o anterior zelador matou as filhas e a mulher? Ou haverá mais laguma história escabrosa da qual ainda não temos conhecimento?

Depois passamos à parte em que o senhor Ullman~os leva a dar uma volta pelo hotel, e quando os leva à suite presidencial Danny vê algo de estranho na parede, quando todos estão embevecidos a olhar a deslumbrante paisagem que se avista das magníficas janelas.
Danny vê o contorno de uma cabeça feito com sangue na parede, do qual ao início só de apercebe de uma mancha mas que aos poucos ganha o contorno de uma cabeça a qual parece que foi atingida por um tiro, visto que "... o rosto de um homem possuído pelo terror e pela dor, com a boca aberta e metade da cabeça triturada..., daí que deduzo que seja um tiro, depois Danny faz aquilo que o senhor Hallorann lhe recomendou desviou o olhar, e quando voltou a olhar já nada viu, mas quando estavam prestes a sair do quarto Danny parece que sentiu vontade de voltar a olhar para o tal sítio na parede e então aí a mancha voltou só desta vez parece muito recente visto que o sangue começa a escorrer pela parede abaixo, será que foi aqui neste quarto o o anterior zelador se suícidou depois de ter assassinado a mulher e as próprias filhas?

Coisa que achei estranha, foi o senhor Ullman achar estranho visto que corou e não percebeu enquanto não ilucidado pelo Jack de que ele e a mulher dormiam na mesma cama, será que era normal naquela latura fazerem como os reis cada um dormir na sua cama e só dormirem na mesma cama quando teriam relações? Parece-me que embora o livro já tenha sido escrito há alguns anos, esse costume já não se utilizava.

Melhor ainda quando todos saem e o hotel fica só para o três tanto Jack como Winnie e até o próprio Danny, ficam como que a pensar em que noos fomos meter, parece que ainda não começou mas já estão arrependidos, pareciam tão esperançados com a hipótese de ficarem sozinhos e tnetarem resolver as sua diferenças sem intromissão de ninguém, que dá a sensação que sabem que algo lhes vai acontecer do qual nunca mais se irão recompor, até a sempre positiva Winnie acerca do novo trabalho de Jack, não para de pensar no tal grupo que ficou preso na neve e que teve de recorrer ao canibalismo para sobreviver, entre outras coisas que lhe vão passando pela cabeça, como quando estão no elevador com o senhor Ullman e ele diz que desde aqueles anos todos desde que o hotel foi construído ainda não mudaram de elevador, começa logo a pensar que vão ficar lá presos sem ninguém que os possa salvar.
Uma coisa que acho que falta aqui é sabermos também a opinião de Danny em relação ao elevador, só se mostra um pouco confuso, não sei se terá os mesmo receios que a mãe ou estará seguro visto que das visões que teve nenhuma delas tem nada a ver com o elevador.

Parece-me que daqui para a frente é que as coisas vão começar a aquecer, de que o início foi só para nos ambientarmos e conhecermos os personagens.

Estou deverás curiosa para saber o que se vai passar a seguir, visto ser a primeira vez que leio algo deste autor, no passada quinta-feira, se não estou em erro, já não tenho a certeza se foi no AXN ou no Hollywood que estava a dar o filme, ainda comecei a ver mas depois pensei como ainda não tinha lido todo o livro isso iria tirar toda a magia e mudei de canal.

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Parte II

Postby Samwise » 04 Nov 2009 01:05

toiota wrote:Estou deverás curiosa para saber o que se vai passar a seguir, visto ser a primeira vez que leio algo deste autor, no passada quinta-feira, se não estou em erro, já não tenho a certeza se foi no AXN ou no Hollywood que estava a dar o filme, ainda comecei a ver mas depois pensei como ainda não tinha lido todo o livro isso iria tirar toda a magia e mudei de canal.


E fizeste muito bem. Acaba o livro antes de veres o filme.

Toiota, é a primeira vez que vejo um texto teu deste tamanho. Costumas criar alguns tópicos com opiniões sobre o que vais lendo, mas são curtinhas e passam pelos assuntos muito ao de leve. Parece que estás entusiasmada com a leitura do King... :smile:


Coisa que achei estranha, foi o senhor Ullman achar estranho visto que corou e não percebeu enquanto não ilucidado pelo Jack de que ele e a mulher dormiam na mesma cama,será que era normal naquela altura fazerem como os reis cada um dormir na sua cama e só dormirem na mesma cama quando teriam relações? Parece-me que embora o livro já tenha sido escrito há alguns anos, esse costume já não se utilizava.


:laugh: Claro que já não se utilizava... para aí há uns... 300 anos...

Agora fiquei curioso para saber porque é que o tipo corou ao certo. Provavelmente ficou encavacado pelo assunto, ou então porque meteu água na escolha do número de camas.
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Gaminha » 04 Nov 2009 11:05

Samwise wrote::laugh: Claro que já não se utilizava... para aí há uns... 300 anos...


Não será bem assim. Na Alemanha é comum em casais mais idosos, da classe média alta (para cima). Claro que agora já se perdeu esse habito, ou estará-se a perder nos mais novos. Mas lembro-me do meu espanto quando tinha 14 anos ao ver duas camas de solteiro no quarto.

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: Parte II

Postby grayfox » 04 Nov 2009 11:44

toiota wrote:Pela conversa entre Danny e o senhor Hallorann parece que Danny sempre tinha razão quanto a haver algo de estranho naquele hotel.
Mas será que quando o senhor Hallorann desafia Danny a ir com ele para a Florida, estará a querer salvar Danny de algo que lhe pode eventualmente acontecer no hotel e de tenha conhecimento através do seu dom? Ou será só uma maneira de tentar aligeirar um pouco o ambiente, pois sente que Danny está com medo de ter de fcar lá depois que do viu? Visto que ele lhe diz que se precisar de ajuda para o chamar através do pensamento que ele vai a correr, mas também por outro lado tenta que o miúdo fique mais calmo em relação ao que o espera, avisando-o de que existe algo naquele hotel e que não deve em circunstância alguma entrar no quarto nº 217, será que foi lá que o anterior zelador matou as filhas e a mulher? Ou haverá mais laguma história escabrosa da qual ainda não temos conhecimento?


Pois a mim parece-me que o Halloran pressente que pode se passar algo de estranho mas sente-se impotente para fazer seja o que for. Não seria própriamente fácil evitar que o Danny passasse o Inverno junto dos pais.

toiota wrote:Depois passamos à parte em que o senhor Ullman~os leva a dar uma volta pelo hotel, e quando os leva à suite presidencial Danny vê algo de estranho na parede, quando todos estão embevecidos a olhar a deslumbrante paisagem que se avista das magníficas janelas.
Danny vê o contorno de uma cabeça feito com sangue na parede, do qual ao início só de apercebe de uma mancha mas que aos poucos ganha o contorno de uma cabeça a qual parece que foi atingida por um tiro, visto que "... o rosto de um homem possuído pelo terror e pela dor, com a boca aberta e metade da cabeça triturada..., daí que deduzo que seja um tiro


Já devia estar quase a dormir quando li esta parte pois só me lembro de falar numa mancha de sangue que mais tarde se torna em sangue mesmo a escorrer, não me lembro de nenhuma referencia a uma cabeça triturada.

toiota wrote:Coisa que achei estranha, foi o senhor Ullman achar estranho visto que corou e não percebeu enquanto não ilucidado pelo Jack de que ele e a mulher dormiam na mesma cama, será que era normal naquela latura fazerem como os reis cada um dormir na sua cama e só dormirem na mesma cama quando teriam relações? Parece-me que embora o livro já tenha sido escrito há alguns anos, esse costume já não se utilizava.


A mim parece-me que foi a maneira de o King dizer que o Ullman é uma pessoa obcecada com o trabalho, distante da realidade e das relações pessoais.

toiota wrote:Parece-me que daqui para a frente é que as coisas vão começar a aquecer, de que o início foi só para nos ambientarmos e conhecermos os personagens.

Estou deverás curiosa para saber o que se vai passar a seguir, visto ser a primeira vez que leio algo deste autor, no passada quinta-feira, se não estou em erro, já não tenho a certeza se foi no AXN ou no Hollywood que estava a dar o filme, ainda comecei a ver mas depois pensei como ainda não tinha lido todo o livro isso iria tirar toda a magia e mudei de canal.


No fim desta parte fica-se claramente com a ideia de que acabaram os preparativos, e daqui para a frente é que vai ser :smile: a ver vamos!

Fico contente de vr que estou a conseguir evangelizar (segundo a Ripley) alguns para os escritos do King.

Gostei muito do teu texto Toiota, é bom ver-te a conviver um pouco mais com a malta :friends: .
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
toiota
Livro Raro
Posts: 1554
Joined: 18 Feb 2009 14:27
Location: Casal do Marco
Contact:

Re: Parte II

Postby toiota » 04 Nov 2009 13:59

Ainda bem que gostaste gray é foi a primeira vez que abri um tópico deste género.

Quanto à parte da mancha na parede lê na página 93, está aí a parte em que fala da cabeça triturada.


Sam eu aqui estiquei-me mais pois não tive medo de fazer spoilers visto que todos estamos a ler o mesmo livro. Daí achares as minhas opiniões sobre os livros que leio muito pequenas.

User avatar
Sofiushka
Edição Limitada
Posts: 1048
Joined: 14 Dec 2007 22:58
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Sofiushka » 04 Nov 2009 21:34

Bom, se na primeira parte ficámos a conhecer um bocadinho das personagens, nesta ficámos a conhecer o hotel. Bastatne literalmente, uma vez que temos direito a uma tour exaustiva da cozinha e tudo :lol2:

Para quem vá às cegas ler o livro (isto é, sem ter visto o filme ou ter alguma ideia de que se trata), por esta altura sente já bastante óbvia a noção de que se vai passar algo terrível. O passado violento de Jack, as alusões à cabin fever, os constantes pensamentos de Wendy sobre os perdidos que se voltam para o canibalismo, o ambiente que começa a ficar cada vez mais isolado e a história macabra do hotel dão perfeitamente para perceber que alguém ali vai perder a cabeça (figurativamente ou literalmente, quiçá :tongue:).

É-nos ainda resolvido o mistério do título. A luz é tão somente o nome dado pelo simpático e prestável Halloran ao dom de Danny, e que ele próprio possui.

toiota wrote:Pela conversa entre Danny e o senhor Hallorann parece que Danny sempre tinha razão quanto a haver algo de estranho naquele hotel.
Mas será que quando o senhor Hallorann desafia Danny a ir com ele para a Florida, estará a querer salvar Danny de algo que lhe pode eventualmente acontecer no hotel e de tenha conhecimento através do seu dom? Ou será só uma maneira de tentar aligeirar um pouco o ambiente, pois sente que Danny está com medo de ter de fcar lá depois que do viu? Visto que ele lhe diz que se precisar de ajuda para o chamar através do pensamento que ele vai a correr, mas também por outro lado tenta que o miúdo fique mais calmo em relação ao que o espera, avisando-o de que existe algo naquele hotel e que não deve em circunstância alguma entrar no quarto nº 217, será que foi lá que o anterior zelador matou as filhas e a mulher? Ou haverá mais laguma história escabrosa da qual ainda não temos conhecimento?


A mim parece-me claramente que o Halloran está a tentar salvar o Danny. Ele tem "a luz" também, e pela conversa que tiveram os dois dentro do carro, é provável que tenham tido o mesmo tipo de premonições. O quarto 217 deve ter algo a ver com isso, talvez seja o mesmo em que o Denny viu a mulher na banheira ainda na Parte I.

User avatar
Bubbles
Livro Raro
Posts: 1994
Joined: 29 Dec 2004 18:33
Location: Halifax
Contact:

Re: Parte II

Postby Bubbles » 05 Nov 2009 02:33

Bem, isto esta mesmo a preparar-se para aquecer. Premonições, visões aterradoras, a mãe que não deixa de pensar que vão ficar presos e ter de recorrer ao canibalismo... estou muito curiosa para ver quanto tempo demora ate alguém começar a dar de si.

Ja agora, uma pergunta para quem esta a ler em português: como e que deram a volta a REDRUM na tradução? Deixaram ficar assim?
"Não sou obrigada a jurar obediência às palavras de qualquer mestre" Horácio
"Um coração saudável tem um comportamento caótico"
Joana Augusto's Flick Photostream *** The Ground Beneath My Feet

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: Parte II

Postby grayfox » 05 Nov 2009 11:42

Bubbles wrote:Ja agora, uma pergunta para quem esta a ler em português: como e que deram a volta a REDRUM na tradução? Deixaram ficar assim?


Também me questionei, logo à noite tento verificar isso.
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
Sofiushka
Edição Limitada
Posts: 1048
Joined: 14 Dec 2007 22:58
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Sofiushka » 05 Nov 2009 12:08

Na minha edição, a da Sábado, deixaram ficar tal e qual como está no original, REDRUM.

User avatar
Anibunny
Edição Única
Posts: 2814
Joined: 10 Jun 2009 23:11
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Anibunny » 05 Nov 2009 13:54

Como prometido é devido aqui estou eu com a minha opinião! :deadhorse:
Nesta segunda parte já se começa a ambientar melhor na história e para isso muito contribui o senhor Hallorann o cozinheiro já com sessenta anos com accent do sul que tal como Danny vem-se a descobrir que tem o dom do "shining". Danny tem um mau pressentimento quando chega ao Hotel que aquele lugar é o REDRUM, mesmo assim verificamos que todos têm uma grande empatia para com a figura de Danny. Achei a descrição do Hotel um bocadinho exagerada, mesmo assim pode vir a ser necessário visto que vão passar lá o Inverno. Entretanto também apercebi que aqueles parêntesis era o Danny a ler a mente das pessoas "Come out you little shit" ou "I'd like t get into his pants" - esta ultima foi linda. Temos um capítulo inteiro dedicado ao senhor Hallorann e nota-se a sua obsessão em tentar "resgatar" Danny para a Florida. A personalidade e a personagem de Hallorann é tão importante para a narrativa que como com Watson dedicam-lhes um capítulo só para eles (engraçado como o mr. Ullman ainda não teve direito a isso). Quando Danny e Hallorann estão no carro e Danny fala-lhe sobre tudo o que aconteceu até mesmo de Tony o seu suposto amigo imaginário - o cozinheiro explica então que "shining" vem da Bíblia que lhe chama visões, no entanto segundo a experiência de Hallorann estas visões nem sempre estão cem por cento correctas. Custa-nos ver o pobre Danny deixado para trás entregue ao seu dom e proibido de entrar no quarto 217 até o próprio tem pesadelos e bad feelings acerca daquele quarto. Quando mr. Ullman faz a tour pelo hotel há um extintor que arrepia Danny - mais à frente tenho de ver o que isto significa :rolleyes: Acho o mr. Ullman lindo, imagino aqueles pseudo-aristocratas com aquele british accent e com o nariz aquilino muito para cima muito conservador.


Quotes lindas:
- "Are you a Winnie or a Freddie?"
- " You just never had a fish that liked you."
- Elevador - "Safe as houses" ... "so was the Titanic"
- I don't think there's anything here that can hurt you."

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Gaminha » 09 Nov 2009 11:41

Então, como vos disse, recuperei bastante na leitura conjunta.
E como também aqui já se falou de tudo um pouco, não vou descrever o que se passa no livro.

Adorei Hallorann como personagem, sem duvida que vamos voltar a vê-lo. Como é cada vez mais óbvio que a estadia deles será perigosa e nada pacifica, a única personagem que poderá ajudar/salvar Danny quando este precisar, é o Hallorann. Que ofereceu ajuda.

Começo a achar que Tony está a tentar prevenir Danny, de algo terrível que vai acontecer no hotel com eles. E pela descrição de algumas cenas, fico com receio que seja o pai de Danny que se vá "passar". Será que ele é capaz de fazer mal a eles? Ele perde o controle facilmente, mas ele já não bebe agora.

Também a maneira como Hallorann descreve o pai de Danny deixa-me indecisa. Será que Hallorann viu algo nele mais que isso?

Há algo que achei maravilhoso no livro! Enquanto lia fiquei com medo pelo Danny. E não só, fiquei mesmo com medo do que iria acontecer. Estava deitada no quarto sozinha, a ler muito concentrada, numa cena em que Tony está a mostrar algo a Danny e de repente, um dos gatos salta para cima da cama. Bem dei um pulo! Xiça que me assustou.

User avatar
leuqar
Encadernado a Couro
Posts: 444
Joined: 12 Apr 2009 21:09
Location: Braga
Contact:

Re: Parte II

Postby leuqar » 09 Nov 2009 12:44

Finalmente terminei a parte II (nesta altura acho que já devia ter terminado a III :huh: )

Continuo com a mesma impressão relativamente ao livro. É uma boa história, bem contada e a escrita continua bastante fluída. Nesta parte é apresentada a personagem de Hallorann (Dick para os amigos :wink: ) e continua com o desenvolvimento da personagem Danny. Começamos a ter uns indícios sobre o mal terrível que poderá acontecer: as visões do Danny, a descrição do Hallorann sobre o Jack e os pensamentos da Wendy sobre o canibalismo.
Penso que, pelo andar da carruagem, a próxima parte será ainda mais "assustadora", as visões do Danny continuarão e tudo indica para um abalar da suposta harmonia familiar.
I love Geology...diamonds, emeralds, sapphires and rubies ;)

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: Parte II

Postby grayfox » 09 Nov 2009 12:58

eu também estou atrasado para a parte III, é que ainda nem comecei...
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
Anibunny
Edição Única
Posts: 2814
Joined: 10 Jun 2009 23:11
Location: Porto
Contact:

Re: Parte II

Postby Anibunny » 09 Nov 2009 14:11

eu amanha já posto qualquer coisa aqui ainda estou a um ritmo lento devido a outras leituras e descobri que tinha dois trabalhos de fim-de-semestre por isso deixei o Nano e estou a ler isto devagar e a anotar coisas :smile:

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: Parte II

Postby urukai » 03 Sep 2013 12:55

Também terminei a parte II.

Partilho da opinião de que o Halloran é uma personagem mt interessante.

Tudo o resto a corresponder às expectativas. Apesar de já ter visto o filme e saber o que vai acontecer, custa-me a crer naquilo que o Jack se vai tornar. Pode ser que no livro seja diferente e ele tenha a oportunidade de redenção que merece.

Outra péssima escolha para o filme foi a Wendy. Aqui imagino-a como mt bonita. A actriz do filme é feia.


Return to “The Shining - A Luz”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron