Navio de Capa ou a Teoria do Caos

User avatar
João Arctico
Dicionário
Posts: 537
Joined: 23 Oct 2009 23:16
Contact:

Navio de Capa ou a Teoria do Caos

Postby João Arctico » 19 Jun 2010 13:04

Caça o estai, iça a gávea baixa!
Lá longe, a borboleta bateu suas asas:
Tormenta que se abateu sobre o mar, sobre mim, dentro de mim.

Caça o estai, iça a gávea baixa!
As gaivotas fugiram:
Corvos que cantam, abutres que dançam, em farto festim.

Caça o estai, iça a gávea baixa!
Anjos mortos atropelam sereias:
Ao sabor de violentas vagas... em rosca sem fim.

Caça o estai, iça a gávea baixa!
(É um belo e radioso dia:
Ao meu lado, as crianças brincam alegremente no jardim.)

Caça o estai, iça a gávea baixa!
Convés inundado:
Pear sentimentos... amarrar emoções... rumo ao confim...

Porque o tempo piora… desfaço a capa... e deixo-me correr com o tempo!...


Nota - Definições muito sucintas:
NAVIO DE CAPA – A expressão “navio de capa” é anterior aos motores em que os navios punham o mar na amura e deixavam as velas indispensáveis para manter o rumo com pouco ou nenhum andamento, de forma a suportar o mau tempo.
CORRER COM O TEMPO – A melhor forma de aguentar o mau tempo, onde o navio arriba para ficar com o mar pela popa, todavia num rumo, certamente, diferente.
"É isto o que, de todo em todo, pretendia o autor? Não sei; é a opinião do leitor que eu dou." Jean-Paul Sartre
"Mas mesmo aquilo que a gente não se lembra de ter visto um dia, talvez se possa ver depois de algum viés da lembrança" Chico Buarque in Estorvo

User avatar
Ripley
Edição Limitada
Posts: 1219
Joined: 30 Jan 2009 02:10
Location: Under some mossy rock
Contact:

Re: Navio de Capa ou a Teoria do Caos

Postby Ripley » 19 Jun 2010 15:45

Ouve o coração, João, ouve o coração, caça a escota, joga com Bernoulli e vai de bolina que o bater de asas por vezes é forte... não podes caçar as asas, João, espera pois que se atenue o grivar e possas virar amuras ao destino desejado.
No silêncio das asas adormecidas, João, nasce calmaria, sem barlavento, sonha, João, sonha com uma nave voando de patilhão recolhido rumo a terra firme.
"És a metade que me é tudo." [Pedro Chagas Freitas]
---§§§---
"O amor não se percebe. Não é para perceber. O amor é um estado de quem se sente. O amor é a nossa alma. É a nossa alma a desatar. A desatar a correr atrás do que não sabe, não apanha, não larga, não compreende." [Miguel Esteves Cardoso]

User avatar
João Arctico
Dicionário
Posts: 537
Joined: 23 Oct 2009 23:16
Contact:

Re: Navio de Capa ou a Teoria do Caos

Postby João Arctico » 25 Jun 2010 22:31

Ripley wrote:Ouve o coração, João, ouve o coração

Obrigado pelo comentário, Ripley
Engraçada a expressão que utilizaste; eu também costumo usar muito uma expressão similar, parafraseando o romance do Luís de Sttau Monteiro: "Agarra o Verão, Guida, agarra o Verão" :tu:
"É isto o que, de todo em todo, pretendia o autor? Não sei; é a opinião do leitor que eu dou." Jean-Paul Sartre
"Mas mesmo aquilo que a gente não se lembra de ter visto um dia, talvez se possa ver depois de algum viés da lembrança" Chico Buarque in Estorvo


Return to “João Arctico”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron