O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman

Postby Cerridwen » 15 Feb 2014 20:34

O Oceano no Fim do Caminho
Neil Gaiman


Editora: Editorial Presença
Coleção: Via Láctea
ISBN: 9789722351997
N.º de Páginas: 184

Sinopse: «Este livro é tanto um conto fantástico como um livro sobre a memória e o modo como ela nos afeta ao longo do tempo. A história é narrada por um adulto que, por ocasião de um funeral, regressa ao local onde vivera na infância, numa zona rural de Inglaterra, e revive o tempo em que era um rapazinho de sete anos. As imagens que guardara dentro de si transfiguram-se na recordação de algo que teria acontecido naquele cenário, misturando imagens felizes com os seus medos mais profundos, quando um mineiro sul-africano rouba o Mini do pai do narrador e se suicida no banco de trás.

O Oceano No Fim do Caminho é uma belíssima e inquietante fábula que revela a singular capacidade de Neil Gaiman para recriar uma mitologia moderna.»

Leitura de um excerto: http://www.presenca.pt/files//products/Exc01220113.pdf

Neil Gaiman
é escritor. Foi jornalista freelancer, mas abandonou essa profissão para se dedicar à escrita, nomeadamente da série de banda desenhada Sandman. É conhecido por obras como Neverwhere, Os Filhos de Anansi, Stardust e Coraline.

User avatar
acrisalves
Edição Única
Posts: 3490
Joined: 29 Dec 2004 13:53
Location: In a florest mist
Contact:

Re: O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman

Postby acrisalves » 14 Dec 2014 22:53

Eis a minha opinião, mas lido no original, em inglês (Publicado em Agosto no blog)

Há já algum tempo que não lia um livro do Neil Gaiman. Quanto a este, estava reticente, como costumo estar sempre que pego num livro juvenil – alguns revelam-se demasiado simplistas e lineares, quando não tomam o leitor por parvo. No entanto, estes foi dos livros juvenis de Neil Gaiman que mais gostei, tanto pela delicadeza da história, como pela empatia que o autor facilmente criou pela personagem principal, e, finalmente, pela magia nas componentes mais simples.

A história começa com um homem adulto que, retornando ao local onde viveu a infância, a recorda, relembrando episódios nublados que há muito tinha esquecido. As suas primeiras memórias trazem-nos um rapaz solitário, a quem nenhum outro colega compareceu ao aniversário. E apesar destas primeiras páginas descreverem uma história banal, a forma como estão escritas logo me colaram à leitura.

A verdadeira acção começa quando o carro do pai é roubado, e o rapaz acompanha o pai para reaver o carro (bem como um livro que lá estaria). A demanda alonga-se quando descobrem um homem morto no interior – ter-se-ia suicidado. Enquanto o pai aguarda as burocracias envolvendo a libertação do carro, o rapaz conhece uma rapariga pouco mais velha, que se irá tornar sua amiga.

Após o roubo do carro começam a aparecer moedas por todo o lado. Mas ao invés de provocarem felicidade, causam dor e zangas: o rapaz acorda engasgado com uma na garganta, moedas são atiradas à irmã que o culpa, e moedas apaecem em situação suspeita na bolsa de uma mulher. Quando conta estes acontecimentos à amiga, esta leva-o numa pequena, rápida e aparecentemente incólume aventura num mundo mágico, onde confrontam o ser responsável pelos incidentes.

No local onde terá sido atingido pelo ser mágico, e onde já não sente qualquer dor, descobre um pequeno verme que consegue retirar a custo – é este verme que há-de voltar sob forma humana, como ama, que lhe atormentará o dia-a-dia e revira a paz familiar, dando a todos, menos ao rapaz, o que mais desejam, mas sempre de forma distorcida.

Viciante e mágico, The Ocean at the End of the Lane pode ser lido tanto por jovens como por adultos. Em português já foi publicado como O Oceano no Fim do Caminho, pela Presença.


Return to “Autores F - J”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron