Wolfhound Century - Peter Higgins

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 02 Apr 2014 16:12

Image

Orion Books wrote:Wolfhound Century
A thousand miles east of Mirgorod, the great capital city of the Vlast, deep in the ancient forest, lies the most recent fallen angel, its vast stone form half-buried and fused into the rock by the violence of impact. As its dark energy leeches into the crash site, so a circle of death expands around it, slowly - inexorably - killing everything it touches. Alone in the wilderness, it reaches out with its mind.

The endless forest and its antique folk lore are no concern to Inspector Vissarion Lom, summoned to the capital in order to catch a terrorist - and ordered to report directly to the head of the secret police. A totalitarian state, worn down by an endless war, must be seen to crush home-grown terrorism with an iron fist. But Lom discovers Mirgorod to be more corrupted than he imagined: a murky world of secret police and revolutionaries, cabaret clubs and doomed artists. Lom has been chosen because he is an outsider, not involved in the struggle for power within the party. And because of the sliver of angel stone implanted in his head at the children's home.

Lom's investigation reveals a conspiracy that extends to the top echelons of the party. When he exposes who - or rather what - is the controlling intelligence behind this, it is time for the detective to change sides. Pursued by rogue police agents and their man-crushing mudjhik, Lom must protect Kantor's step-daughter Maroussia, who has discovered what is hidden beneath police headquarters: a secret so ancient that only the forest remembers. As they try to escape the capital and flee down river, elemental forces are gathering. The earth itself is on the move.


Desculpem lá o inglês da coisa, mas por enquanto não há nada em português.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 02 Apr 2014 16:16

Por recomendação do T comecei a ler isto.

Doze capítulos papados, não que isso sejam muitas páginas (perto de 15% do livro), e começo a ter algumas impressões. A primeira é que este livro é capaz de vir a saber a pouco. Ao ritmo que a acção se desenrola, questiono-me se haverá alguma acção. A atmosfera é negra quanto baste, misturando em doses apropriadas um certo mundo industrial com um misticismo latente. O crescendo das personagens, e a forma como se interligam parece-me muito bem orquestrada. Ao nível da escrita está irrepreensível, apesar de achar que se alonga um bocado para estabelecer uma atmosfera. (Se calhar quem papou as voltas todas da Roda do Tempo não se devia queixar disso...)

Mais comentários mais para a frente.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 16 Apr 2014 14:44

Primeiro terço do livro para trás e começa a ser evidente que isto é parte de algo maior. Começa a ser evidente porque de algo com selo de qualidade T não se esperam resoluções às três marteladas e ainda andamos a fazer apresentações.

No entanto já se notam mudanças. Depois de uma preocupação muito grande em criar uma atmosfera de "céu muito nublado" em permanência, o autor foca-se agora mais nas interacções entre personagens e destas com o mundo.

Em linhas gerais, há uma celeridade narrativa que não é frequente nos dias de hoje e que provoca alguma estranheza. De certa forma faz-me lembrar a Irmandade do Anel, em que vamos conhecendo as personagens ao longo da sua interacção com o cenário. Tem é menos acção... :P
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby pco69 » 16 Apr 2014 18:55

Fui ao goodreads dar uma vista de olhos. Trilogia com a edição do segundo este ano e do terceiro prevista para o próximo. ^_^
Dado o meu pernicioso hábito de ler as coisas de seguida e ao menor preço possível, lá para 2020 será uma trilogia a comprar :P
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 16 Apr 2014 22:07

Sim isso é por demais sabido, tal como o que está para chegar no correio sabe.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby pco69 » 17 Apr 2014 07:54

Bugman wrote:Sim isso é por demais sabido, tal como o que está para chegar no correio sabe.

Se essa era para mim (o chegar no correio :D ), já chegou :pipoca:
A série completa do Dominic Flandry :P

Omnibus editions[1]

Young Flandry (2009), combining the novels 'Ensign Flandry', 'A Circus of Hells' and 'The Rebel Worlds'.
Captain Flandry: Defender of the Terran Empire (2010), combining the short stories 'Outpost of Empire', 'The Day of Their Return', 'Tiger by the Tail', 'Honorable Enemies', 'The Game of Glory' and 'A Message in Secret'.
Sir Dominic Flandry: The Last Knight of Terra (2010), combining the short stories 'The Plague of Masters', 'Hunters of the Sky Cave', 'The Warriors from Nowhere' and the novel 'A Knight of Ghosts and Shadows'.
Flandry's Legacy (2011), combining the novels 'A Stone in Heaven' and 'The Game of Empire'


Dois vieram do bookdepository e dois do awesomebooks - ambos com entregas grátis. :rolleyes:
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 17 Apr 2014 10:12

Era, mas mais para dizer que já vem a caminho o segundo volume (Truth and Fear). Aliás, numa óptica de spoiler ao quadrado, o autor fez questão de por um ou dois capítulos do segundo volume, como "posfácio" do primeiro. ainda não cheguei lá, mas depois digo como resulta enquanto estratégia comercial.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 22 Apr 2014 14:10

...e de repente não conseguia largar aquilo, tinha de ler mais uma página, mais um capítulo (às vezes coincidiam), mais um bocado, só quero ver o que acontece a seguir. Pois...
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 28 Apr 2014 13:07

A partilhar o comentário do blog.

O proverbial burro alimentado a pão de ló. Chegado ao final deste livro, tendo parado um pouco para resumir e repensar o que li, é assim que me sinto. De tão habituado que estou a quantidades copiosas de palha, quando me dão um cheirinho de algo sobejamente mais docinho, sinto que nada me chega.

Penso que a origem desse sentimento é uma questão de expectativas. Anunciado como algo de extraordiário, criou expectativas que no imediato não satisfaz. Quero mais. Não necessariamente melhor, mas mais. A questão que se coloca é, onde está então a grandiosidade?

A minha primeira resposta, com um distanciamento mais frio, é na pequenez. Pode um livro ser grande e pequeno? Pode. Em tempos de adjectivação com força e forçada, de minuciosas descrições exaustivas, Wolfhound Century consegue ser bastante sóbrio na utilização dessas ferramentas. Esse é o principal aspecto da grandiosidade, a clareza e a concisão, tão em falta nestes dias.

No que diz respeito à escrita não há muito a apontar. Curta, seca, tremendamente eficaz a criar uma atmosfera cinzenta, capítulos curtos mas, feitas as contas, com o essencial. Competente será um termo que encaixa muito bem.

Quanto ao estilo, é mais um daqueles livros que passeiam por estilos sem se amarrarem a nada. A conversa de anjos e obscuros objectos centenários remete para uma dimensão de fantástico a que o detective Lom e a sua busca pelo subversivo Joseph Kantor dão um toque policial. Só que as coisas não ficam por aí. Quando se descobre uma conspiração maior, somos arrastados por sequências dignas de bons contos de suspense e nem uns laivos de romance ecologista são deixados de fora de um livro que com o seu imaginário propositadamente soviético podia não destoaria em prateleiras ao lado de um Tom Clancy. Mais um livro que remete a discussão sobre géneros literários aos bons livros e aos maus.

Tudo é servido com a consciência que este livro é apenas o primeiro de uma trilogia e portanto uma introdução. É aqui que está a frustração. De tão habituado a um festim de letras e papel, Wolfhound Century é poupadinho quanto baste, para mesmo assim pedir uma pausa e reflexão antes de se embarcar no segundo volume.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby pco69 » 28 Apr 2014 13:23

Se bem percebi, embora necessitando de algum tempo de 'repouso', ficaste a 'aguar' pela continuação... :P
Mais uma razão para continuar com o defeito de ler as coisas de seguida e após terem sido trerminadas. :rolleyes:
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 28 Apr 2014 15:32

Sim confere, fiquei com vontade de passar para o volume seguinte, mas recomendo que se pare e pense no que se leu. Não tem toneladas de personagens e todas até agora tiveram um qualquer papel a desempenhar. Uma outra coisa que perspira, é que o que normalmente seria visto como uma jornada épica que dá sentido à vida de uma personagem, está aqui de certa forma relevada para um lugar secundário.

De uma forma geral, tem os lugares comuns todos, mas com uma roupagem diferente. Diria refrescante, não fosse a atmosfera industrial.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Wolfhound Century - Peter Higgins

Postby Bugman » 26 Oct 2016 10:41

Após releitura da obra, com vista a ler a trilogia completa, segue abaixo o comentário que me ocorre neste momento. Depois comparo com o que achei da primeira vez.

Tentei, a dada altura, quase que não gostar do livro. O início consegue ser ao mesmo tempo vertiginoso e aborrecido, saltitando de personagem em personagem, introduzindo o Arcanjo, que não se percebe muito bem o que é, e pouco ou nada é explicado, tendo o leitor de se esforçar por entrar no mundo de Vlast e a sua guerra eterna com o Arquipélago. A atmosfera é sombria, o clima de fantasia e o personagem principal um polícia em busca de um homem, que se cruza com uma mulher fatal. Temos portanto um policial noir de fantasia (ou outra combinação das mesmas palavras).

Só que a partir de dada altura tudo muda. Começamos a ser mais bombardeados com os pensamentos das personagens, a acção torna-se menos vertiginosa, a obra perde a sua faceta policial e começa a acalmar. Nesta fase as coisas encaixam e começamos a perceber melhor para onde o autor nos quer levar. Esta parte final, cerca de um terço da obra, é o que realmente nos faz querer voltar. É pela parte final, que até está longe de ser genial ou particularmente bem escrita, que queremos ler o volume seguinte.

Após a releitura penso que poucos pormenores ficaram por captar na primeira. Subtileza ou profundidade dificilmente serão qualidades que se apontem à obra. Os tipos dos géneros estão lá todos e no entanto, pelo seu embrulho em atmosfera soviética, parecem sair renovados. Se calhar é isso mesmo, a atmosfera incomum, que faz com que a obras tenha um ar diferente.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela


Return to “Autores F - J”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron