The Stand (complete and uncut) - Stephen King

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby grayfox » 01 Sep 2014 07:20

Eu digo o mesmo que o Sam. Li a versao uncut, não achei que tivesse palha!
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Sharky » 01 Sep 2014 10:38

Acho que o humor nos seus livros parece mais do mesmo, e dura, dura...piadas :mrgreen:
Deixei o Stand e Under the Dome a meio, a ver se o 11.22.63 não vai pelo mesmo caminho.

User avatar
Forbidden
Capa Dura
Posts: 328
Joined: 01 Aug 2012 14:45
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Forbidden » 01 Sep 2014 12:44

Samwise wrote:
Forbidden wrote:Recomendam a versao uncut ou a original? As paginas a mais compensam ou são so palha?


Eu só li a versão longa e para mim compensou a escolha - ou seja, apesar do tamanho gigantesco do texto, nunca me cansou a ponto de pensar que tinha palha (coisa que sucedeu em relação a alguns outros livros do King). Quando terminei fiquei com saudades do universo descrito no livro, e das suas personagens. Mas também posso acrescentar que não o li de um dia para o outro. Devo ter demorado um mês ou mais...


Pois, eu estou a pensar ler um do King daqui a algum tempo, e como este estava no numero 1 de algumas listas dos melhores dele pensei neste, ou entao o It... eu li dois livros dele e gostei muito de ambos: Carrie e Misery, mas esses eram pequenos, nao e como este que e enorme...
"I took a deep breath and listened to the old brag of my heart: I am, I am, I am."

- Sylvia Plath

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Thanatos » 01 Sep 2014 22:28

Forbidden wrote:Recomendam a versao uncut ou a original? As paginas a mais compensam ou são so palha?


Eu, naturalmente, li as duas versões (aliás quando li The Stand pela primeira vez nem se sabia que havia outra "versão") e lembro-me que a uncut abusa muito da técnica enche-chouriços, ou seja a versão cut foi cortada e muito bem cortada. Agora acho é que já não se apanha a versão original à venda... :rolleyes:

O que estranho nos comentários é pessoal a dizer que não acha que a uncut não tenha palha sem nunca ter comparado as versões. Enfim.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Samwise » 01 Sep 2014 23:10

Thanatos wrote:O que estranho nos comentários é pessoal a dizer que não acha que a uncut não tenha palha sem nunca ter comparado as versões. Enfim.


O apuramento da "palha" é algo que dependa de comparações dessa natureza? Então e como se faz para opinar sobre a palha em obras que só têm uma versão disponível? :mrgreen: (penso que aqui é a mesma coisa - se começa a aborrecer muito, tem palha, se, pelo contrário, é tudo "chicha", não tem.)

Tendo em conta que estamos a falar do King, e que ele deve ser dos autores mais acusados do mundo de enfiar palha nos livros, é uma coisa bastante positiva ler algo do tamanho do The Stand (uncut) e chegar ao fim dizendo que está bem como está - retirando-se partes, o livro deixava de valer o que vale. Foi essa a sensação com que fiquei depois da leitura. Não a tornava unstrawed... :P
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Thanatos » 02 Sep 2014 07:46

Bem, Samwise, tem é de se notar que a questão do Forbidden é comparativa, logo o "parece-me que não tem palha" se torna uma resposta sem sustentação porque lhe falta o termo comparativo.

Ao fim e ao cabo é como enaltecer certas traduções sem nunca se ter comparado com o registo original...

No caso vertente havendo a possibilidade de comparar diretamente as obras será estranho alegar que a mais longa não tem palha assim como seria estranho alguém que apenas tivesse lido a primeira edição alegar que o segunda não acrescenta nada. Toda argumentação a favor de uma ou outra sem termo comparativo, neste caso, é fútil.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby grayfox » 02 Sep 2014 09:21

Thanatos, eu não vou esperar em cada tópico que des a tua experiencia de vida para verificar se sou digno de opinar.

Eu acho que fomos bem explicitos ao dizer que so tendo lido a versao Uncut, não achamos que tivesse palha.
Não vejo o problema nisso, explicamos bem que nao comparamos com o original.
O Forbidden não pretende ler o uncut depois do original, por isso a palha que se acha a ler dessa forma não lhe afecta muito. É lhe bastante mais util perceber que quem leu o Uncut logo a primeira não achou que tivesse palha.
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4347
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Bugman » 02 Sep 2014 12:19

Por um lado, uma vez que se comparam duas edições de uma mesma obra, o que o T diz acaba por fazer sentido, ou seja, para decidir se o material a mais é ou não relevante para a acção torna-se necessário comparar uma obra com a outra. Por outro lado, também há um lado de percepção pessoal do que é relevante ou não e nesse sentido o comentário do Sam não é de todo impertinente. Ou seja, conquanto o Sam não pode dizer que a edição uncut tem material mais relevante do que a cut, ele pode no entanto dizer que não sentiu que o material a mais fosse palha, no sentido de não ter sentido que ali houvesse informação supérflua.

Ou não? :bbde:
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Sharky » 03 Sep 2014 12:35

Na versão "Uncut" o autor explica o que lá tem a mais e porquê, é só lerem e, se quiserem, poderão postar aqui qualquer coisa sobre isso. Eu até podia mas estou tipo, preguiçoso :mrgreen:

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Samwise » 03 Sep 2014 13:56

Thanatos wrote:Bem, Samwise, tem é de se notar que a questão do Forbidden é comparativa, logo o "parece-me que não tem palha" se torna uma resposta sem sustentação porque lhe falta o termo comparativo.

Ao fim e ao cabo é como enaltecer certas traduções sem nunca se ter comparado com o registo original...

No caso vertente havendo a possibilidade de comparar diretamente as obras será estranho alegar que a mais longa não tem palha assim como seria estranho alguém que apenas tivesse lido a primeira edição alegar que o segunda não acrescenta nada. Toda argumentação a favor de uma ou outra sem termo comparativo, neste caso, é fútil.


Tens razão para os casos de quem esteja na posse da informação comparativa (para quem tenha lido as duas versões). Para quem não está, e tendo ficado claro nas respostas produzidas que só se havia lido uma das versões, deixa de fazer sentido a necessidade da "sustentação do argumento pelo factor comparativo" - como dizem também o Gray e o Bugman. Cabe naturalmente ao Forbidden aproveitar as respostas para fazer uma escolha, mas parece-me importante que possa contar com todas as opiniões disponíveis. Eu, pelo menos, gostaria de as ter se a pergunta tivesse sido minha.

De outra perspectiva, penso que aquilo que o Sharky disse neste último post possa ser de alguma forma determinante para perceber o que o King acha sobre a eventual palha, e sobre o que o levou a disponibilizar a versão uncut (fora as questões monetárias, isto é :mrgreen: ).
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Thanatos » 03 Sep 2014 19:22

O que eu não gostei da primeira edição para a segunda, acima de tudo, foi o update das datas. No original tudo se passava em 1978 (ou por aí). Quando a segunda edição foi lançada nos anos 90 ele trouxe a acção toda para essa década e meteu a martelo referências à Madonna, só para dar um exemplo, o que para mim era completamente desnecessário. Década de 70 ou de 90 o que interessa é a intemporalidade do conflito entre Bem e Mal e alterar datas e meter upgrades a martelo não acrescentam em nada. Além disso gastou mais meia centena de páginas com o Trashcan Man que é uma personagem unidimensional e que embora ******* SPOILER ALERT ********** seja fulcral na queda do Dark Man e que demonstra que o mesmo não é assim tão omnipotente e omnisciente quanto ele próprio se julga, já que albergou no seu seio um demente que o levou à ruína não é pelo acrescento de mais cenas do mesmo em pleno deserto que a narrativa se engrandece.

Depois o love affair está mais intricado o que a meu ver também não acrescenta nada e até torna o romance algo entediante.

Ou seja, enche-chouriços. :twisted: Não haja dúvida que quando um gajo começa e tem um editor com eles no lugar as coisas correm melhor para o leitor. Quando o autor tem carta branca torna-se a maior parte das vezes auto-indulgente e vaidoso ao ponto de achar que a lista de compras pessoal é importante para os leitores.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Thanatos » 03 Sep 2014 20:11

De seguida vou transcrever um excerto, que me parece mais relevante, da introdução de King à edição uncut:
For the purposes of this book, what's important is that approximately four hundred pages of manuscript were deleted from the final draft. The reason was not an editorial one; if that had been the case, I would be content to let the book live its life and die its eventual death as it was originally published.
The cuts were made at the behest of the accounting department. They toted up production costs, laid these next to the hardcover sales of my previous four books, and decided that a cover price of $12.95 was about what the market would bear (compare that price to this one, friends and neighbours!). I was asked if I would like to make the cuts, or if I would prefer someone in the editorial department to do it. I reluctantly agreed to do the surgery myself. I think I did a fairly good job, for a writer who has been accused over and over again of having diarrhoea of the word processor. There is only one place-Trashcan Man's trip across the country from Indiana to Las Vegas-that seems noticeably scarred in the original version. [...] I haven't restored all four hundred of the missing pages; there is a difference between doing it up right and just being downright vulgar. Some of what was left on the cutting room floor when I turned in the truncated version deserved to be left there, and there it remains. Other things, such as Frannie's confrontation with her mother early in the book, seem to add that richness and dimension which I, as a reader, enjoy deeply.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Thanatos » 23 Jan 2015 14:39

urukai wrote:
Quanto ao 2666 ainda tenho esperança de o terminar, devo-o ao Sharky, e até tem os seus momentos mas não me diverte ou entusiasma 1/1000 do que o King o faz.


E então, urukai? Já leste o 2666? E em caso afirmativo que dizes?
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Sharky
Edição Única
Posts: 4587
Joined: 19 Jun 2008 00:04
Location: Margem Sul
Contact:

Re: The Stand (complete and uncut) - Stephen King

Postby Sharky » 30 Jan 2015 12:39

A mim não me deves nada :P
Já agora: http://moreintelligentlife.com/story/bo ... asterpiece


Return to “Autores K - O”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 5 guests

cron