VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Todos os lançamentos e opiniões cuja categorização não caiba nos sub-fórums alfabéticos permanecem aqui.
User avatar
Lady Entropy
Papa-livros
Posts: 1094
Joined: 03 Oct 2009 12:09
Location: Porto, Portugal
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Lady Entropy » 04 Dec 2011 23:36

Bugman wrote: Quase tão poderoso como o do Nuno Poças (ambos, de resto me deixaram a dizer possas, e não do bom tipo). Por outro lado, no meu caso o guia do céu ganhou com uma segunda leitura. Não será de facto bem um conto na acepção de conto, mas há algo ali na escrita que me agradou... à segunda, porque a minha primeira impressão quase podia ser decalcada da tua.


Eu fui ler terceira vez. Continuo a dizer, é uma amostra da escrita do autor, não um conto. E francamente, um conto que precise de ser esmiuçado tanto, não é um bom conto.

O conto da Regina é um conto, tem um princípio, um meio e um fim, está bem escrito e gostei da visão do lado de fora.


Nisso concordados -- é bem escrito.
Interessante? Não particularmente.

O conto do Ventura não acho que seja demasiado extenso. Acho que a escrita é fluída e ajuda a que a dimensão da coisa não pareça exagerada. Olha os casos da Carla e do Nuno...


Eu li cada conto individualmente, e sem usar desculpas na linha do "ah, mas o dela\dele era mais horrível! Logo isto é bom." O do Ventura tem tudo metido a chuço, e a vilã principal (que devia ter centenas senão milhares de anos de experiência), comete erros atrás de erros, e para terminar, lixa-se a si mesma por ser tão burra. Não vejo fluidez na leitura, vejo, sim, o escritor desesperadamente aos saltos e a tentar fazer as coisas acontecerem bem depressa para aproveitar o espaço.
Ah, e pecado imperdoável. Usa a típica "American Pretty Princess Evil Bitch", que é a personagem que eu mais odeio de todos os tropes.
"I believe in pink. I believe that laughing is the best calorie burner. I believe in kissing, kissing a lot. I believe in being strong when everything seems to be going wrong. I believe that happy girls are the prettiest girls. I believe that tomorrow is another day and I believe in miracles."

— Audrey Hepburn

User avatar
grayfox
Edição Única
Posts: 4203
Joined: 01 Jul 2008 16:20
Location: Braga
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby grayfox » 05 Dec 2011 10:08

shadow_phoenix wrote:
Lady Entropy wrote:10) O Último - Joel Pulga
Gostei muito. Partilha o pódio com o do Álvaro para melhor conto da Antologia. Ao contrário do A Máquina, não perde muito tempo a expor informação, e comecei a gostar do conto desde o inicio -- ao contrário do do Álvaro que demorou um bocado a convencer-me. A personagem principal é a minha favorita da antologia, o tipo de personagens que adoro, o velho e último guerreiro, isolado -- e que escolhe um fim em grande em vez de se encolher num canto e esperar pelo seu destino.
O setting é tão... abruptamente diferente que torna o velho guerreiro ainda mais destacado, mais perdido, logo, aguçou logo o meu interesse.
Boa história, devidamente épica com bom plot twist, personagem principal que é o melhor que a história tem, e bom setting.
Trio perfeito.
Nota: :bow: (Adorei! Recomendado!)


Cuidado com os elogios, porque ainda fico mais convencido do que já sou :devil:

Só espero é que na antologia não apareça Joel PULGA...


clássico :D
A melhor assinatura chinesa da actualidade.

User avatar
shadow_phoenix
Dicionário
Posts: 666
Joined: 04 Mar 2007 15:14
Location: Braga
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby shadow_phoenix » 05 Dec 2011 10:09

Bugman wrote: Já o conto do Joel cai na categoria pastilha elástica.


Elaborate, if you please. ;)

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4349
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Bugman » 05 Dec 2011 11:40

Lady Entropy wrote:É tipo mastigar chiclete - no inicio sabe bem, mas mais para o fim ainda tenho fome e, mais ainda, tenho dores nos queixos.


Nao sou do tipo de cascar por detalhes da treta, como o de o Armagedao nao ser um evento, mas um local, portanto fiquemos pelo texto.

A coisa nem ia muito mal quando subitamente o Barao se farta da matança e descobre o prazer escondido da literatura e, Oh Felicidade!, apaixona-se pelo género fantástico (mas isto estava bom de se ver nao?). A sério que quase verti uma lágrima com o desfilar de autores e neste ponto fui obrigado a voltar atrás e recomeçar a ler.

Bom, de que me queixo entao? O inicio deu-se de uma forma um pouco lenta, quase que tao pesado como a espada do Barao. O próprio texto arrasta em si o peso de fardos de palha como "o único vinho cujo sabor as suas papilas gustativas, que a sua condição se encarregou de atrofiar com o passar dos séculos". Face ao que se segue, nao precisamos de saber o que a sua condiçao fez. O enumerar de conflitos parece-me também peso morto. Como dizia a Lady, nao sou cavalo/burro para comer palha.

Depois passamos à praga das conjunçoes a abrir frases. Uma aqui e ali podem dar expressividade ao texto (exemplo: "Mas o Céu não era melhor." - neste caso acho que o ponto de exclamaçao ainda ajudava mais, mas isso já sao detalhes estilísticos), mas depois temos coisas como "Mas, conforme o vampirismo lhe foi destruindo o paladar e o tacto, também o prazer, a emoção que tirava das batalhas foi desaparecendo." Nao sei se o objectivo é tornar o texto propositadamente ligado, mas isso fá-lo pesado e custoso. Para nao mencionar que se reescrever a frase sem o "mas" esta nao perde o seu valor, o leitor nao perde informaçao e fica a parecer-se mais com um novo parágrafo...

Noutro plano "Ficção Científica, horror, história alternativa, especialmente interessante para quem viveu a história como ela ocorreu, fascinavam-no. Mas era a fantasia heróica e guerreira que o atraíam especialmente." Será necessária a quebra que o ponto final impoe?

Em defesa do autor diga-se que achei a ideia fracamente concretizada, mas com enorme potencial. Nao creio que seja uma ideia a ser explorada em conto e até encorajo que se pegue nisto talvez para um texto mais extenso, onde com tempo e sem pressoes se exploram as fases do barao e, quem sabe, se dá um final à coisa, em vez de ficar tudo em aberto.

EDIT: Claro que isto podem ser picuinhices minhas. Pelo que vi a Lady também gostou muito do do Alvaro, enquanto que eu o achei um enorme e bucólico bocejo...
Last edited by Bugman on 05 Dec 2011 13:45, edited 1 time in total.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela


User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Samwise » 05 Dec 2011 12:27

Neste caso, a "intervenção" da crítica compensou largamente o "investimento". Fiquei com vontade de comprar a publicação.

Roberto, data de lançamento, como é? :D
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Gaminha » 28 Dec 2011 20:03

Mais sobre a Volluspa:

Aqui

User avatar
shadow_phoenix
Dicionário
Posts: 666
Joined: 04 Mar 2007 15:14
Location: Braga
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby shadow_phoenix » 18 Feb 2012 16:18

Já foi anunciado. A Vollüspa sai em Março. ;)

igdrasil
Comic Book
Posts: 96
Joined: 24 Jul 2009 11:20
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby igdrasil » 14 Mar 2012 15:12

Image

Já está!

Um dos meus sonhos tornou-se realidade!

Foi um caminho longo, com imensos percalços, mas o esforço, o trabalho e a paciência valeram a pena: a Vollüspa foi lançada ao Mundo!

Fica o meu obrigado a todos os autores que nela participam.

A HM Editora decidiu fazer uma pré-venda da antologia no seu site, antes da verdadeira apresentação do projecto (pormenores sobre o dia da apresentação e sobre o seu programa serão divulgados aqui nos próximos dias).

Para aqueles que já não conseguem esperar mais, podem carregar aqui!

http://www.hmeditora.com/loja.html?page ... ory_id=431

A antologia custa 13€.

Fiquem atentos pois iremos disponibilizar um pdf. gratuito com um dos contos da antologia muito em breve.

Por enquanto podem ler uma parte do prefácio.

Prefácio:

Muito mais que um título, Vollüspa significa renovação, a morte do velho e o nascimento do novo, purificação, se o leitor preferir. Foi deste vocábulo da mitologia Nórdica, retirado do Edda Poético, fonte de inspiração de muita da literatura fantástica, que surgiu a ideia um trabalho desde tipo.

A ideia é simples: juntar alguns dos melhores autores portugueses de literatura fantástica com vozes mais desconhecidas, mas não menos importantes, e dar a conhecer os seus trabalhos de ficção curta. O objectivo é claro: ajudar a alcançar uma revitalização no género da Ficção Científica e do Fantástico! A literatura fantástica precisa destes projectos. É necessário dar a conhecer novos mundos, bem como oferecer uma nova base de trabalho para os autores, onde possam desenvolver a sua paixão.

Os três grandes géneros da literatura fantástica estão representados neste volume: a Ficção Científica, com textos de Afonso Cruz, João Ventura, Luís Filipe Silva, Carlos Silva e também com um texto da autoria do coordenador, Roberto Mendes. É notória uma aproximação ao Terror e ao Realismo Mágico nos textos de José Pedro Lopes e de José Manuel Morais. A fantasia de Joel Puga, Carla Ribeiro, Álvaro de Sousa Holstein, Regina Catarino, Marcelina Gama Leandro, Nuno Gonçalo Poças, Carina Portugal e o conto de Pedro Ventura, que recupera o ambiente de Rod Serling, oferecendo ao leitor uma viagem no universo típico de Twilight Zone, completam o ciclo desta primeira Vollüspa. O leitor pode deambular entre a história de um último vampiro, receber os recados de máquinas que escrevem sozinhas, conhecer raças alienígenas que dominam os humanos num futuro distante, assistir à queda de Roma, ouvir os acordes de uma música que toca as almas de uma forma muito especial, ser levado ao limite pela figura mítica da morte, viajar pelos céus descobrindo os seus segredos e celebrar um natal artificial, onde tudo imita o verdadeiro, sempre com a devida patente registada…

Autores:

Afonso Cruz
Álvaro de Sousa Holstein
Carla Ribeiro
Carlos Silva
Carina Portugal
João Ventura
Joel Puga
José Manuel Morais
José Pedro Lopes
Luís Filipe Silva
Marcelina Gama Leandro
Nuno Gonçalo Poças
Pedro Ventura
Regina Catarino
Roberto Mendes

Muito obrigado,

Roberto Mendes

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Thanatos » 14 Mar 2012 15:44

Gosto do preço catita.

:tu:
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
Sofiushka
Edição Limitada
Posts: 1048
Joined: 14 Dec 2007 22:58
Location: Porto
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Sofiushka » 14 Mar 2012 15:50

Muito bom! :tu:

igdrasil
Comic Book
Posts: 96
Joined: 24 Jul 2009 11:20
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby igdrasil » 14 Mar 2012 16:38

Sofiushka wrote:Muito bom! :tu:


Thanks;)

Thanatos wrote:Gosto do preço catita.

:tu:


Um dos principais objectivos foi conseguir um preço razoável. Ainda gostaria de ter conseguido um preço mais baixo mas não foi possível! :pissed:

Vamos ver se este projecto desperta algum interesse;) Eu acredito! :D

Rui Ramos
Dicionário
Posts: 676
Joined: 26 Nov 2010 18:43
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby Rui Ramos » 14 Mar 2012 17:16

Gosto do preço e da lista de autores. :tu:

igdrasil
Comic Book
Posts: 96
Joined: 24 Jul 2009 11:20
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby igdrasil » 14 Mar 2012 18:54

Rui Ramos wrote:Gosto do preço e da lista de autores. :tu:


Eu gosto de tudo:) :whistle: lol

Ou não tivesse eu trabalhado nela desde 2008 :rolleyes:

Para mim hoje é dia para celebrar :cheers:

Estou a programar a apresentação, para que nada falte aos interessados na antologia! Espero ver por lá muita malta do BBDE (o local vai ser giro, de bom gosto, quentinho se estiver frio ou então fresquinho se este Verão antecipado continuar... em Lisboa - epah, estou a ser demasiado específico :D )!

Esta também é uma antologia do pessoal do BBDE que tem muitos representantes!;)

Agradeço toda a divulgação que possam fazer em todas as plataformas que possam usar :hug:

Estou também a trabalhar num site próprio para a antologia!

urukai
Edição Única
Posts: 3232
Joined: 07 Aug 2008 23:35
Location: Lisboa
Contact:

Re: VOLLUSPA - Antologia de Contos de Literatura Fantástica

Postby urukai » 14 Mar 2012 18:58

Muitos parabéns pelo lançamento! :tu:


Return to “Vários”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 3 guests

cron