Os Canibais - Álvaro do Carvalhal [Concluído]

Que imagem escolheria para a capa d'Os Canibais?

Poll ended at 23 Feb 2014 16:07

Das Ballsouper, de Adolph Menzel
2
25%
Saturn Devouring His Son, de Goya
1
13%
Waltz, de Anders Zorn
2
25%
Materia, de Umberto Boccioni
2
25%
Portrait of Pablo Picasso, de Juan Gris
0
No votes
Faust and Marguerite in the Garden, de James Tissot
1
13%
 
Total votes: 8

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Os Canibais - Álvaro do Carvalhal [Concluído]

Postby vampiregrave » 24 Jan 2014 19:34

Requisitei recentemente uma reprodução da primeira edição desta novela (no volume "Contos") à BNP. Entretanto obtive também autorização para reproduzir o texto, tendo apenas de fazer referência à BNP e à edição utilizada. Não existindo em formato digital, vou ter de transpor o texto «à pata». Assim que tiver novidades partilho aqui.


Sugestões de imagem de capa



Das Ballsouper, de Adolph Menzel
Image

Saturn Devouring His Son, de Goya
Image

Waltz, de Anders Zorn
Image

Materia (1912) - Umberto Boccioni (1882-1916)
Image

Portrait of Pablo Picasso (1912) - Juan Gris (1887-1927)
Image

Faust and Marguerite in the Garden, de James Tissot
Image



Descartadas

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 05 Feb 2014 09:54

Já recebi as fotocópias. Estou a transcrever o texto, tendo tratado cerca de metade da obra.

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 07 Feb 2014 15:44

Com vista a enriquecer o conteúdo da edição, contactei a Maria Cristina Batalha, autora do artigo «Álvaro do Carvalhal: o que pode nos informar um "autor menor"?», de modo a obter autorização para o utilizar como introdução. Já obtive resposta afirmativa, portanto assim que possível vou tratar o texto para incluir no ficheiro EPUB.

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby Samwise » 08 Feb 2014 15:58

vampiregrave wrote:Com vista a enriquecer o conteúdo da edição, contactei a Maria Cristina Batalha, autora do artigo «Álvaro do Carvalhal: o que pode nos informar um "autor menor"?», de modo a obter autorização para o utilizar como introdução. Já obtive resposta afirmativa, portanto assim que possível vou tratar o texto para incluir no ficheiro EPUB.


Muito boa notícia. :tu:
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 12 Feb 2014 20:40

Deixo um resumo da obra, incluído na referida tradução, caso queiram fazer as vossas sugestões para imagem de capa. Dentro em breve coloco as minha sugestões.

A intrincada história, que será por esse narrador relatada, resume-se aos amores de um misterioso visconde de Aveleda e da romântica Margarida, moça que desperta o desejo de todos os rapazes — uma dessas “mulheres fatais, que atraem irresistivelmente” —, mas que permanece inatingível. Quanto ao visconde de Aveleda, este pertence à categoria de seres fatídicos, dotados de um encanto “infernal” e de um magnetismo a que nenhuma mulher resiste. De origem pouco precisa, a descrição da personagem se faz pela retórica da indefinição, permeada de silêncios e elipses. Evitando o perigo da descrição detalhada que revelaria um retrato completo do visconde, Carvalhal obedece às regras do género, procurando ater-se a uma contenção calculada, uma das características do fantástico. Sua melancolia, seu enigmatismo e seu pessimismo fazem lembrar o universo ficcional de Chateaubriand, na figura de seu famoso René, Byron ou dʼAirlincourt. Ao vê-lo, Margarida apaixona-se de imediato. Essa personagem estranha tem um rival, D. João, figura quase ridícula do romântico caricatural e do sedutor decadente. Enfim, a intriga encaminha-se rapidamente para o final, complicando-se de lances folhetinescos e recheada de sentimentalismos exacerbados e falas extravagantes. Margarida casa com o visconde e o desfecho tem um relevo tragicómico. A pobre donzela descobre, desnorteada, na sua noite de núpcias, que o visconde é um ser de um outro mundo, uma estátua viva, incapaz de relacionar-se com uma mulher sem causar-lhe uma desgraça. A monstruosidade do visconde nos remete facilmente à boneca Olympia, criada por Hoffmann, em O homem da areia. Sob o olhar aterrado de Margarida, o homem-boneco acabará por desarticular-se peça por peça e, no paroxismo do clima de horror macabro, atira-se nas chamas de um fogão, consumindo-se inteiramente diante da infeliz noiva. Entretanto, o apaixonado João entra no quarto a tempo de assistir a tão desconcertante cena. Há então uma interrupção na intriga, deixando momentaneamente em suspenso o que teria acontecido com Margarida e com João. De imediato, a narrativa nos leva ao dia seguinte, quando, o pai da noiva, o Sr. Urbano Solar, atraído pelo cheiro de carne assada, se precipita, com seus dois filhos, para o quarto dos noivos, deliciando-se com o “manjar” que os esperava ao fogão. Acontece então o fechamento da cena em que João encontra Margarida: esta é achada morta junto a D. João moribundo que, não obstante, ainda consegue narrar o final da história. O Sr. Urbano e seus filhos comeram realmente o visconde. Perante um acto tão repulsivo e aterrador, ele pensa no suicídio, mas, diante do argumento do filho de que o dinheiro do visconde é “maná a não perder” (CARVALHAL, 1990, p. 248), o burguês afasta os valores morais e não resiste à ganância. Opera-se, assim, por parte de Carvalhal, a denúncia da sociedade burguesa, imoral e inescrupulosa, que se lança cegamente à corrida pelo dinheiro, que soa mais forte do que o gesto abjecto que acabavam de cometer.

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 13 Feb 2014 11:35

Editei o post original com três sugestões. Vou pesquisar um pouco mais. Dentro em breve dou início à votação.

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby Samwise » 13 Feb 2014 12:31

Ainda sem me ter dedicado à pesquisa de uma capa para esta obra, penso que podia ser interessante, dado o tema em questão, considerar também pintura mais para o abstracto.

(o primeiro quadro que colocaste fez-me logo pensar no Orgulho e Preconceito... :mrgreen: )
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 13 Feb 2014 13:09

Samwise wrote:Ainda sem me ter dedicado à pesquisa de uma capa para esta obra, penso que podia ser interessante, dado o tema em questão, considerar também pintura mais para o abstracto.

(o primeiro quadro que colocaste fez-me logo pensar no Orgulho e Preconceito... :mrgreen: )


Pois, as escolhas que fiz não são muito arrojadas. Uma boa parte da novela passa-se num baile, onde são apresentadas ao leitores as três principais personagens. O acto de canibalismo que acontece mais para o fim é involuntário, e não encontrei muita coisa apropriada para essa temática diga-se :mrgreen:

Edit: Só me ocorreu este:

Saturn Devouring His Son, de Goya
Image

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4348
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby Bugman » 13 Feb 2014 14:39

vampiregrave wrote:
Samwise wrote:Ainda sem me ter dedicado à pesquisa de uma capa para esta obra, penso que podia ser interessante, dado o tema em questão, considerar também pintura mais para o abstracto.

(o primeiro quadro que colocaste fez-me logo pensar no Orgulho e Preconceito... :mrgreen: )


Pois, as escolhas que fiz não são muito arrojadas. Uma boa parte da novela passa-se num baile, onde são apresentadas ao leitores as três principais personagens. O acto de canibalismo que acontece mais para o fim é involuntário, e não encontrei muita coisa apropriada para essa temática diga-se :mrgreen:

Edit: Só me ocorreu este:

Saturn Devouring His Son, de Goya
Image


Não há nada de Miró? :mrgreen:

Gosto desse.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 13 Feb 2014 15:28

Bem, nem vão acreditar :mrgreen:

The Great Carnivore, de Joan Miro
Image

Estivesse o seu trabalho no domínio público, seria uma crítica interessante ;)

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby Samwise » 14 Feb 2014 01:07

Também gosto bastante do Goya para o contexto...

Mais duas sugestões:

Materia (1912) - Umberto Boccioni (1882-1916)
Image

Portrait of Pablo Picasso (1912) - Juan Gris (1887-1927)
Image
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby Samwise » 14 Feb 2014 10:27

vampiregrave wrote:Uma boa parte da novela passa-se num baile, onde são apresentadas ao leitores as três principais personagens. O acto de canibalismo que acontece mais para o fim é involuntário, e não encontrei muita coisa apropriada para essa temática diga-se.


Face a isto (e à questão da voragem pelo dinheiro), as tuas sugestões são bem mais apropriadas. Neste contexto, gosto particularmente da terceira. Há é a questão da associação entre título e imagem de capa, pelo menos para quem não leu o conto.
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 14 Feb 2014 10:49

Samwise wrote:
vampiregrave wrote:Uma boa parte da novela passa-se num baile, onde são apresentadas ao leitores as três principais personagens. O acto de canibalismo que acontece mais para o fim é involuntário, e não encontrei muita coisa apropriada para essa temática diga-se.


Face a isto (e à questão da voragem pelo dinheiro), as tuas sugestões são bem mais apropriadas. Neste contexto, gosto particularmente da terceira. Há é a questão da associação entre título e imagem de capa, pelo menos para quem não leu o conto.


Acontece o inverso com o do Goya: associa-se ao título mas não tem muito a ver com o que acontece no conto.

Das que sugeri, vou incluir estas duas na votação (a do Goya e a do Menzel).

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 17 Feb 2014 22:48

Encontrei esta imagem, mas não consigo identificar o autor nem o quadro a que pertence...

Image

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1840
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: "Os Canibais" - Álvaro do Carvalhal [Em Desenvolvimento]

Postby vampiregrave » 17 Feb 2014 22:55

E mais uma última sugestão:



Se não tiverem mais sugestões, inicio a votação em breve.


Return to “Obras Concluídas”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron