Imagina

User avatar
Drops
Dicionário
Posts: 709
Joined: 04 Jan 2005 03:49
Location: somewhere over the rainbow
Contact:

Imagina

Postby Drops » 11 Sep 2005 02:06

Imagina voltar a casa, após uma ausência… qualquer ausência. Antes mesmo de meteres a chave na porta já sentes o conforto da tua rotina, dos teus hábitos. O teu canto, a companhia dos que te são mais chegados, aquele abraço de boas vindas. O tagarelar sobre a viagem, descalçar os sapatos e calçar os chinelos que ficaram esquecidos no cantinho do quarto. Sentar no sofá da sala e ouvir os ruídos tão familiares…
Agora imagina não sentires saudades disso… consegues? ou então, sentires a falta disso, porque são essas coisas que te fazem pertencer a algum lugar, mas não as teres. Por força das circunstâncias o abraço é forçado e seco de carinhos. Não há tagarelar nenhum, só um silêncio castrador e olhares recriminatórios. Os chinelos estão frios, e nada te faz sentir confortável ali.
Nesse dia descobres que não estás na tua casa. Estás na casa de alguém, e sentes-te um intruso. Imagina estares fora, longe dessa casa e de tudo o que conheces, imagina que adoras estar lá, mesmo longe dos amigos, e da língua que conheces. Imagina o desconhecido, imagina tudo isso aliado àquela casa que não te espera…
Imaginas?

Eu não imagino. Não quero sentir isso, mas sinto. Sinto que algumas amarras se soltaram. Terei sido eu a corta-las? Alguém as cortou? O nó soltou-se? Não sei… sei que não tenho saudades… nem um abraço que me espere. Sei que estou triste, porque podia dar um passo para mudar isso, mas que tenho medo que não resulte.

Sinto-me só.

Pisei uma areia molhada, e deixei que as ondas se enrolassem nos meus pés. Deixei-me abraçar pelo sol que descia devagar pelas montanhas. Tive vontade de mergulhar e nadar até estar demasiado cansada para regressar.

Mas seria acusada de cobardia. Não, não sou cobarde. Ergo a cabeça, olho em frente. Sorrio e finjo que estou bem. Brinco, e rio-me. Censuro-me pela minha hipocrisia. Repugna-me este fingimento.

Não quero voltar, e por isso deixo que uma lágrima escorra tímida…

?

Está tudo bem… estou só cansada. E deito-me numa cama que não é a minha, nem a tua, mas que me acolhe e abraça como mais ninguém ousa fazer. E choro tudo, fingindo que durmo. Choro aquelas dores enterradas há tanto tempo… choro sozinha, sempre sozinha.

Mas sou eu que sou piegas. Fui eu que errei, as consequências são legítimas. As rejeições são válidas, as acusações certas. Porque a culpa é minha… sempre. (e também fui eu que abri um buraco na camada do ozono, fui lá com uma tesoura e rasguei-o o mais que pude.)

Choro mais um pouco. “Mariquinhas pé de salsa…”. Falta-me carinho… nada mais. Carinho puro e simples. Mas a culpa é minha não é? NÃO É?
Eu é que sou arisca, e me afasto, e fujo…pois (também fui eu que causei a extinção dos dinossauros.)

Imagina-te só. Gente e mais gente ao pé. Alguns chamam por ti, e sorriem-te. Alguns alvitram que gostam muito de ti. Amigos, amigas, conhecidos… familiares. Todos de amam muito… todos! Mas nenhum deles te dá um afago quando estás triste. Um beijo de bons dias. Um abraço de saudades…

A culpa é minha.

Imagina… saudável, inteligente, forte, jovem. Com tanta gente que me ama tanto. Quero carinho para quê? Queixo-me de quê? Desejo tanto não ter nascido porque carga de água?

Oh mundo… doce mundo. A culpa é minha, sabias?

E o único erro que cometi foi nascer, tudo o resto é só uma consequência disso.

Desculpa-me mundo… desculpa.

11/09/2005
"I'm not crazy I'm just a little unwell..."

Maloveci
Livro de Bolso
Posts: 239
Joined: 16 Mar 2005 23:27
Location: Jamaica man !!
Contact:

Re: Imagina

Postby Maloveci » 17 Sep 2005 01:04

Mas seria acusada de cobardia. Não, não sou cobarde. Ergo a cabeça, olho em frente. Sorrio e finjo que estou bem. Brinco, e rio-me. Censuro-me pela minha hipocrisia. Repugna-me este fingimento



A história dos meus últimos anos :cry:

E choro tudo, fingindo que durmo. Choro aquelas dores enterradas há tanto tempo… choro sozinha, sempre sozinha.


Outra história ... :(


Imagina-te só. Gente e mais gente ao pé. Alguns chamam por ti, e sorriem-te. Alguns alvitram que gostam muito de ti. Amigos, amigas, conhecidos… familiares. Todos de amam muito… todos! Mas nenhum deles te dá um afago quando estás triste. Um beijo de bons dias. Um abraço de saudades…


Como tu me pedis-te a outra, esta gostava que também fosse minha :)


O final para mim é chave de ouro ... "Desculpa-me mundo ... desculpa. "
<!--coloro:#0000FF--><span style="color:#0000FF"><!--/coloro-->Desabafas??? Eu também... Estou aqui: <!--colorc--></span><!--/colorc--> <!--coloro:#9932CC--><span style="color:#9932CC"><!--/coloro-->maloveci@jamaicans.com<!--colorc--></span><!--/colorc-->

User avatar
Drops
Dicionário
Posts: 709
Joined: 04 Jan 2005 03:49
Location: somewhere over the rainbow
Contact:

Re: Imagina

Postby Drops » 20 Sep 2005 11:43

:blush: Ofereço-te mais que a frase... ofereço o carinho, o beijo de bons dias, o afago, e um grande abraço...
infelizmente são todos virtuais, e vamos ter muito tempo para preencher com saudades, mas um dia entrego-tos, faço-te uma festa, e digo-te que vai correr tudo bem... mais que isso, eu irei acrediter que sim, que tudo vai correr mesmo bem ;)

Obrigada, por estares lá.
"I'm not crazy I'm just a little unwell..."

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Imagina

Postby Samwise » 23 Sep 2005 11:36

E o único erro que cometi foi nascer, tudo o resto é só uma consequência disso.


Hmmmm... esta é-me complicada de digerir...

Corrigirias esse erro caso tivesses oportunidade?

Está muito bom Drops. Apesar de, como costume, falar de um negrume quase impossivel de tolerar e do facto de eu associar esse negrume a ti...

SamW
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Drops
Dicionário
Posts: 709
Joined: 04 Jan 2005 03:49
Location: somewhere over the rainbow
Contact:

Re: Imagina

Postby Drops » 24 Sep 2005 00:41

Nem todos os erros são maus... não o corrigia, embora continue a achar que foi um erro.

Como quase sempre, escrever é uma necessidade de abandonar sentimentos no papel, de modo que não fiquem em mim...

Thank you SamWise...
"I'm not crazy I'm just a little unwell..."


Return to “Drops”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron