Um Quarto, uma vela e a lua…

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Cerridwen » 24 Jan 2006 00:45

Um Quarto, uma vela e a lua…

Era um quarto quente e luminoso, apesar da escuridão que cobria o ar. A luz penetrante das estrelas banhava os azulejos brancos do chão, criando uma atmosfera sonhadora, quase irreal. Nas prateleiras das estantes amontoavam-se livros de vários tamanhos e feitios. Capas vermelhas, azuis, cheias de desenhos e cores davam um colorido infantil à divisão, que dispensava quaisquer outros adornos. Na barra da cama permanecia aceso um candeeiro pequeno, de luz fraca, ao lado do qual repousava um livro solitário e uma caneca de café, vestígios de hábitos invulgares.

No parapeito da janela permanecia uma presença. O olhar penetrante inclinava-se para o céu, onde as estrelas reluziam em tons prateados. Mas esse olhar fixava-se apenas na grande esfera amarelada que enchia todo o céu com a sua presença. Era uma lua grande e cintilante, no seu absoluto esplendor. Uma presença constante e sonhadora… um caminho para o mundo dos sonhos, onde nos perdemos por entre caminhos e atalhos, onde o pó se transforma em pão, as pedras ganham vida e as crianças tomam a forma de heróis… Um mundo onde não há lugar para a monotonia, o cansaço ou o conformismo, algo por vezes tão irreal, a que já poucos dão importância, mas no qual muitos habitam.

No parapeito da janela permanecia uma vela acesa. A sua chama, de tom vermelho amarelado brilhava intensamente, como que iluminando um caminho tenebroso. Um sinal de esperança, constante.

Ao longe, alguém sonhava com esse quarto e essa mesma vela. Mas, tudo se evaporava e lentamente, como nevoeiro a dissolver-se, dando lugar a um quarto escuro e vazio. Não havia livros nas prateleiras das estantes, que se achavam vazias. A cama encontrava-se despida de objectos e no parapeito da janela, também ele desprovido de qualquer objecto, avistavam-se umas gotas pequenas de cera. No entanto, no céu, avistava-se a mesma lua grande e amarela que parecia brilhar menos, por entre a escuridão triste do local.

Ao longe, alguém acordava e a meio da noite caminhava para a janela do quarto, para contemplar uma lua magnífica que se avistava no céu, e por entre as árvores escurecidas e pouco perceptíveis, pensava ver uma luz extinguir-se lentamente.

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14974
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Samwise » 25 Jan 2006 12:06

Cerridwen,

É um sonho belíssimo, este teu texto. E como todos os sonhos, há uma altura em que acaba... mesmo que a Lua, na sua realidade mais pequena que no sonho, continue lá em cima a brilhar.

Muito bom. Adorei!

Sam
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Cerridwen » 25 Jan 2006 22:28

Samwise wrote:Cerridwen,

É um sonho belíssimo, este teu texto. E como todos os sonhos, há uma altura em que acaba... mesmo que a Lua, na sua realidade mais pequena que no sonho, continue lá em cima a brilhar.

[right][snapback]18637[/snapback][/right]


Obrigada pela leitura e pelos comentários.

O tamanho da lua, a nível daquilo que vemos da Terra, varia. O texto refere-se à lua cheia. Ora, uma lua cheia em dia de "céu limpo" até parece algo maior. Daí esta caracterização da lua. :)

Maloveci
Livro de Bolso
Posts: 239
Joined: 16 Mar 2005 23:27
Location: Jamaica man !!
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Maloveci » 26 Jan 2006 00:56

... Ou então é algo que ambicionamos e não temos .
Esta é a minha reflexão para este texto . O querer e não ter, mas que era delicioso se o tivessemos . Desta forma os dias deixariam de ter o sabor amargo actual .



Beijos :tu:

Maloveci
<!--coloro:#0000FF--><span style="color:#0000FF"><!--/coloro-->Desabafas??? Eu também... Estou aqui: <!--colorc--></span><!--/colorc--> <!--coloro:#9932CC--><span style="color:#9932CC"><!--/coloro-->maloveci@jamaicans.com<!--colorc--></span><!--/colorc-->

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Cerridwen » 27 Jan 2006 23:47

Maloveci wrote:... Ou então é algo que ambicionamos e não temos .
Esta é a minha reflexão para este texto . O querer e não ter, mas que era delicioso se o tivessemos . Desta forma os dias deixariam de ter o sabor amargo actual .
[right][snapback]18675[/snapback][/right]


Pode ser uma interpretação possível. Nem eu sei ao certo o que o texto significa. Foi um texto escrito "de repente", sem pensar. Espero que possa significar algo para quem o leia. :unsure:

Obrigado pela leitura e comentários, Maloveci :)

**

Pedro Farinha
Edição Única
Posts: 3298
Joined: 03 Apr 2005 00:07
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Pedro Farinha » 05 Jan 2007 01:00

Gostei muito, é aquilo que eu chamo um texto aguarela (vá-se lá saber porquê) porque mais do que contar uma história, pinta-nos um estado de espirito, um cenário ou até um cheiro.

Está muito bem escrito, assim em tons pastel.

Claro que eu acabava com um lobisomem a aparecer a matar toda aquela calmia :lol2:

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13871
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Thanatos » 05 Jan 2007 10:13

Jasus, Pedro! :lol2: Tinhas esperado mais uns dias e o teu comentário teria precisamente um ano após o post inicial.

Ok, o teu mote na vida é: "Mais vale tarde do que nunca" E olha teve o condão de me relembrar que a Cerridwen escreve muito bem (e penso que até ficou bem colocada num daqueles passatempos que apareciam de vez em quando aqui) e que é uma pena que o não faça mais regularmente.
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

Pedro Farinha
Edição Única
Posts: 3298
Joined: 03 Apr 2005 00:07
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Pedro Farinha » 05 Jan 2007 23:47

Tinhas esperado mais uns dias e o teu comentário teria precisamente um ano após o post inicial


LOL

Só agora li o texto e tendo gostado dele apeteceu-me comentá-lo. That's it

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Re: Um Quarto, uma vela e a lua…

Postby Cerridwen » 07 Jan 2007 12:14

Obrigada, tanto pela leitura como pelos comentários, Pedro Farinha.

Um lobisomem era uma ideia interessante, penso é que não combinava muito com o modo como o texto está escrito, a menos que fosse um lobisomem "domesticado".

Thanatos, gostaria de escrever mais e de melhorar a qualidade da minha escrita mas, infelizmente o tempo é verdadeiramente escasso e obriga à realização de alguns cortes e a escrita é das primeiras coisas que coloco de parte.


Return to “Cerridwen”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 6 guests

cron