Sem titulo

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Sem titulo

Postby Venom » 28 Jun 2005 22:23

É favor criticar :joker:

Uma criança. E porque não? Uma criança é o disfarce perfeito que ele necessitava para ganhar a competição. Todos os outros se iriam disfarçar de adultos, e portanto o seu disfarce iria garantir lhe uma vitória fácil. Tomaria a forma de uma frágil criança, aparentemente fraca de estatura média. Teria cabelo, olhos e roupa preta, pois a cor preta era a sua favorita, identificava-se muito com ela. Esconderia o seu poder. Perfeito. Agora iria explorar o local onde iria decorrer o confronto. Era uma cidade como todas as outras, edifícios altos na baixa, e edifícios de estatura média nas áreas circundantes à baixa. Tal como em todas as outras tinha as suas áreas pobres e ricas. Ele iria para essas áreas pobres que era onde os seus inimigos gostavam de espalhar a “luz”, deixaria a área preferida pelo seu lado para os seus companheiros a defenderem. Assim fez, qual criança a dar um passeio, foi ate aos subúrbios onde esperava encontrar adversários.
Uma idosa. E porque não? Uma idosa era o disfarce perfeito que ela precisava para ganhar a competição. Como o resto se iria disfarçar de adultos não teria muita dificuldade em surpreender os adversários. Tomaria a forma de uma frágil idosa, de cabelos brancos e pele enrugada, olhos azuis-claros, e roupa branca. Usaria também uma bengala para lhe dar um ar mais frágil. Perfeito. Seguiria para a baixa da cidade, onde o confronto se iria dar. Confiava o suficiente nos seus companheiros para protegerem a sua área. Ao explorar a baixa depara-se com vários confrontos, mas muito fracos, um contra um, homem contra homem, pura animalidade. Nem pareciam ser imortais a divertirem-se. Mas o tempo para tal actividade aproximava-se. Mas antes havia tempo para um cafezinho. Para relaxar e preparar-se para os confrontos que se seguiriam. Ao entrar num café da zona depara-se com vários inimigos no café. Apesar disso não lhe prestaram atenção, nem sequer olharam para ela, ignoraram. “Perfeito”-Pensou. O disfarce tinha resultado. Dirigiu-se ao empregado e pediu uma bica. Sentou-se numa mesa e observou a rua. Viu os mortais no seu dia-a-dia. Pensou que davam um belo efeito ao campo de batalha e que, apesar de os ver, eles não se iriam perceber de nada. Faziam parte do cenário. “Coitados, demasiado ocupados nos seus dias repetitivos para se aperceberem do que se passa. Talvez seja melhor. Ao menos não sofrem.”-Pensou.
Entretanto ele passeava pelos subúrbios. Deparava-se com pequenos confrontos entre as forças do “bem” e as forças do “mal”. Viu também as forças do “mal” lutarem entre si. “Nada como um bom exercício antes do teste”-Pensou. Entretanto um edifício na baixa colapsou. Todos se dirigiram para o local. A terra tremia. Todos os demónios da zona se dirigiam para o local do colapso. Os demónios já tinham retomado a sua forma original e já não se pareciam com humanos, mas sim com touros. Mas em vez de se apoiarem em quatro patas, apoiavam-se em apenas duas, assumiam agora uma posição erecta. Em vez de cascos, tinham mãos, e os seus punhos ardiam. Ele decidiu apanhar um autocarro. Estava um no meio da estrada a arder e na frente, a placa eléctrica, que indicava o destino dizia “Inferno”. Chamou alguns demónios para o ajudarem a virar o autocarro.Entraram nele, e depois de cheio, este arrancou, levando-os para a baixa.
O confronto estendia-se desde o parque da cidade, ao local do edifício colapsado. Havia corpos, tanto de demónios como de anjos espalhados pelo chão. Enquanto todos estavam contentes a combater uma velhota observava o confronto do café mais próximo. Parecia bastante entretida enquanto, tanto demónios como anjos, se entretiam com brinquedos perigosos. A velhota tinha uma roupa branca, tinha uns belos olhos azuis e cabelos brancos. Ao longe vê um autocarro a arder aproximando-se. E quando para vê uma criança, entre alguns demónios, de cabelos pretos e olhos em chamas, levanta-se e ruma me direcção à multidão que já não combate, mas observa a criança. Ao abrir caminho por entre a multidão de anjos, estes começam a olhar para ela perplexos enquanto os demónios gritam em apoio da criança, como uma claque em apoio do seu clube. A senhora idosa chega agora ao pé da criança, ambos trocam um olhar e esboçam um sorriso. De espada na mão ambos se preparam para o confronto. A criança investiu num movimento rápido e preciso, a senhora idosa bloqueou. E entraram num bailado mortal atacando, bloqueando, fazendo pequenas feridas ao oponente…
A noite tinha chegado, e ainda nada se tinha resolvido, os dois adversários ainda se batiam, não estavam fatigados, os ferimentos ligeiros nãos os incomodavam, mas no lugar da ânsia de combater estava agora frustração. Nenhum dos dois alcançava os seus objectivos, eram demasiado idênticos em força e perícia. Foi então , com o chegar da noite ,que ambos decidiram ir embora…

E ta acabado com algumas alteraçoes e um final na minha opiniao fraco e que a meu ver ,para o tempo que demorei a escrever, podia estar melhor
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Samwise » 29 Jun 2005 09:57

:clap:

Venom,

Que gosto que eu tenho em ver aqui algo teu!!!

Não está nada mal, não senhora!!!! Deixou-me com muita curiosidade, este primeiro excerto... um história muito enigmática.

Aguarda-se a continuação com MUITA expectativa.

Sugiro é que faças uma coisa, uma vez que ainda estás a escrever o conto. Escreve-o até ao fim antes de postares mais partes. Quando tiveres a história toda feita, então é muito mais fácil corrigires eventuais erros de continuidade ao longo da mesma. ;)

SamW
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Venom » 29 Jun 2005 19:32

ja emendei ;) e sim tenciono continuar :tu:
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!

Pedro Farinha
Edição Única
Posts: 3298
Joined: 03 Apr 2005 00:07
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Pedro Farinha » 29 Jun 2005 22:41

Quero mais, quero mais, quero mais, quero muito mais :clap:

Acho que o cena´rio está muito bem descrito, agora queremos que comece a acção :ph34r:

User avatar
Riobaldo
Edição Limitada
Posts: 1099
Joined: 06 Feb 2005 15:14
Location: Lisboa
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Riobaldo » 29 Jun 2005 23:31

Eu vou fazer aquilo que pediste, até porque se fosse comigo gostava que fizessem o mesmo. Não sei se começaste agora a aventurar-te pelo mundo da escrita mas, de qualquer forma, tens ainda muito tempo para te aperfeiçoares. Isto porque te vou dizer uma coisa: ainda se notam algumas falhas na tua escrita, algumas expressões ou frases que não soam muito bem e que podiam ser escritas de outra forma. Experimenta ler em voz alta o texto e és capaz de perceber o que estou a dizer. (Qualquer coisa que queiras falar, tens o meu contacto do msn ;) )

Agora a parte boa: o excerto que aqui colocaste deixa-nos curiosos sobre o que virá a seguir e quem serão estes estranhos personagens que andam a lutar na baixa lol. Acho que deves continuar e espero que as minhas críticas só sirvam para que melhores. :D

Dá-lhe :ttu:
www.revistaantologia.com

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Venom » 20 Sep 2005 18:52

Podem agora ler o final...
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Samwise » 21 Sep 2005 09:48

:ttu:

Está bastante imaginativo Venom. Uma espécie de mistura de várias influências... entre elas pareceu-me ver "Dragon Ball".
O cenário (como refere o Pedro Farinha), ou o ambiente, está bem apanhado e, mais do que descritivo, dá-nos a nós uma hipótese de imaginar como ele é.
Nalguns momentos achei engraçada a aura de surrealidade que acompanha a história...

Acho que te viste com necessidade, assim de repente, de contar uma história... Tiveste uma ideia muito boa mas não sabias como a acabar (daí o tempo todo que demorou a sair). Não sei se foi o caso ou não. Eu sei que comigo é assim... tenho ideias que sei exactamente como começar e depois ficam penduradas a meio porque não tenho maneira lógica de as terminar.

Acho que o final não desmerece nada a espera que tivemos que aguentar.

Venom,

Não sei se gostaste ou não de ter esta experiência (a de escrever um conto, a de contar uma pequena história)... mas só te posso dizer quer deves continuar... há medida que fores escrevendo vais perceber porquê...

Parabéns.

SamW
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Samwise » 21 Sep 2005 12:54

Estás a escrever mais alguma coisa?

SamW
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Venom » 21 Sep 2005 14:22

Bem em primeiro lugar tenho de agradecer te por teres lido o conto todo e pelos comentarios

Foi de facto o nao saber como terminar o conto que fez com que eu demorasse muito tempo a escreve-lo.

Tenciono continuar a escrever ,pois gostei de o fazer ,e de momento nao estou a escrever nada :bye:
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Venom » 21 Sep 2005 17:00

Agradeço os comentarios ThUnDDeR e ainda bem que gostaste
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Cerridwen » 21 Sep 2005 18:44

Apreciei a leitura do texto. A história apesar de pegar na luta entre "o bem" e o "mal" é no meu entender, bastante original e as descrições estão bem desenvolvidas.

No entanto (e aqui entra a crítica negativa, que pode ou não ser aceite pelo autor do texto), partilho da opinião do TRiiAd, notei algumas "falhas" a nível de português no texto, nomeadamente a nível de conjugação verbal. Ou seja, acho que este texto ainda poderia ser melhorado.

E como a "prática faz a perfeição" (ou qualquer coisa do género), espero que continues a escrever e que continues a colocar textos teus no BBDE. :)

User avatar
Venom
Encadernado a Couro
Posts: 488
Joined: 01 Jan 2005 03:17
Contact:

Re: Sem titulo

Postby Venom » 21 Sep 2005 18:48

:unsure: de facto um dos meus problemas é eu ser um bocado desleixado com o portugues, mas agradeço a critica , tentarei nao repetir o mesmo erro, obrigado pelos comentarios e ainda bem que gostaste :joker:
no sci-fi masterpiece depicts an AI that, upon coming online and searching its database in an effort to better understand mankind, responds by shouting, “You guys are awesome! We should get nachos!


Return to “Venom”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron