Ciclo de Terramar - Ursula K. Le Guin

User avatar
acrisalves
Edição Única
Posts: 3490
Joined: 29 Dec 2004 13:53
Location: In a florest mist
Contact:

Ciclo de Terramar - Ursula K. Le Guin

Postby acrisalves » 17 Aug 2005 11:57

Num Vento Diferente

Editora: Presença
Tema: Literatura
Colecção: Via Láctea
Nº na Colecção: 33
Data de lançamento:17-8-2005

Sinopse:
Ursula K. Le Guin iniciou o ciclo de Terramar em 1968, com o título O Feiticeiro e a Sombra, a que se seguiram Os Túmulos de Atuan (1971) e A Praia Mais Longínqua (1972). Entretanto, em 1990 surgiu Teanu, o Nome da Estrela. Todos eles se encontram traduzidos em português, pela Presença, na colecção «Estrela do Mar». No início deste século Le Guin revisitou Terramar e sentiu que algo tinha continuado a acontecer. Assim, escreveu Tales From Earth and Sea e Num Vento Diferente que agora se publica. Neste belo romance fantástico, há uma ruptura e um desequilíbrio devidos ao uso perverso da magia, pelos humanos, que têm de ser sanados para que seja restituída a unidade da Antiga Fala, a Língua da Criação.

Looks nice :) lembro-me de ter gostado de alguns livros desta autora ...

User avatar
Thanatos
Edição Única
Posts: 13870
Joined: 31 Dec 2004 22:36
Contact:

Re: Num Vento Diferente

Postby Thanatos » 17 Aug 2005 13:46

acrisalves wrote: Entretanto, em 1990 surgiu Teanu, o Nome da Estrela. Todos eles se encontram traduzidos em português, pela Presença, na colecção «Estrela do Mar».

Penso que é Tehanu o título do quarto livro.

Os 3 primeiros livros estão também publicados na colecção Argonauta da Livros do Brasil.

Esta colecção da Presença tão depressa publica óptimos livros como publica outros piorzitos.

Este é dos melhores dos últimos meses. :tu:
Não importa como, não importa quando, não importa onde, a culpa será sempre do T!

-- um membro qualquer do BBdE!

User avatar
acrisalves
Edição Única
Posts: 3490
Joined: 29 Dec 2004 13:53
Location: In a florest mist
Contact:

Re: Num Vento Diferente

Postby acrisalves » 17 Aug 2005 18:42

Thanatos wrote: Este é dos melhores dos últimos meses. :tu:

Yeap - parece-me jeitoso... mais um para a wishlist... :)

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Ciclo de Terramar / Earthsea Cycle - Ursula K. Le Guin

Postby Cerridwen » 06 May 2010 14:31

Image Image Image Image Image

Ursula K. Le Guin é a autora das seis obras literárias que compõem o Ciclo de Terramar. Estão publicados em Portugal os cinco romances da série. Os títulos são O Feiticeiro e a Sombra (A Wizard of Earthsea, 1968), Os Túmulos de Atuan (The Tombs of Atuan, 1971), A Praia Mais Longínqua (The Farthest Shore, 1973), Tehanu (Tehanu) e Num Vento Diferente (The Other Wind). Foram esses que li, nas edições da Editorial Presença. Os quatro primeiros volumes foram traduzidos por Carlos Grifo Babo e fazem parte da colecção Estrela do Mar. O último volume, Num Vento Diferente, foi traduzido por Ana Saldanha e publicado na colecção Via Láctea. A colectânea de contos Tales From Earthsea não obteve publicação em Portugal. É de lamentar e pouco compreensível, o desinteresse das editoras em trazer para a língua portuguesa todas as obras situadas em Terramar (Earthsea, no original).

Terramar é um mundo imaginário criado por Ursula K. Le Guin e composto por ilhas e mar. O ambiente é idêntico ao do período anterior à Revolução Industrial, com elementos de fantasia como a magia, feiticeiros e dragões. Gued é o personagem principal de muitas destas histórias.

A narrativa do primeiro volume da série, O Feiticeiro e a Sombra, começa na ilha de Gont, onde Gued nasceu e viveu durante vários anos. Em criança chamado de Duny, Gued ficou sem mãe pouco tempo após o seu nascimento. Os seus seis irmãos, mais velhos do que ele, foram deixando a casa de família para trabalhar noutros locais. O seu pai ainda o colocou a trabalhar na sua forja, mas vivia na aldeia uma tia de Gued que era bruxa e apercebeu-se do poder de Duny. Os ensinamentos dela permitiram-lhe utilizar a magia. Mais tarde, um mago iniciou a sua aprendizagem nas artes mágicas.

Os vários romances revelam imaginação, inteligência e sabedoria. Os conhecimentos provenientes da leitura de obras de autores como Dante ou J. R. R. Tolkien não impediram a autora de criar obras dotadas de grande originalidade e contribuíram para a solidez dos acontecimentos narrados. A prosa simples, as descrições necessárias e as personagens humanas são também alguns dos pontos fortes da série.

A história dos três primeiros livros, apesar da sua grande simplicidade, faz pensar. Os diálogos e as motivações por detrás dos comportamentos de alguns personagens são menos simples. Os últimos dois romances são mais complexos e não por acaso. Tehanu (1990) foi publicado dezassete anos após A Praia Mais Longínqua (1973). Durante esse período de tempo decorreram alguns acontecimentos. Deu-se a segunda onda feminista, a que Ursula Le Guin não foi indiferente. A autora e os seus leitores também envelheceram e prosseguiram com o seu processo de aprendizagem. Os três primeiros livros foram originalmente escritos para crianças, A Praia Mais Longínqua recebeu o prestigiado prémio National Book for Children’s Books, embora os jovens adultos e os adultos estejam mais aptos a extrair todo o conteúdo das obras. Tehanu (vencedor do Prémio Nébula para melhor romance, em 1990) e Num Vento Diferente não parecem ter um público-alvo definido, embora incidam ambos sobre temas tradicionalmente de adultos como a vida e a morte.

Por vezes acontece, após a leitura dos primeiros volumes de uma série, não compreender porque é que os autores não a terminaram no primeiro ou segundo romance. Não é o caso do Ciclo de Terramar. Livro a livro, a autora não se limitou a dar continuidade à história, cada passo na narrativa conduz o leitor à descoberta do universo de Terramar e daqueles que nele habitam.

User avatar
Ripley
Edição Limitada
Posts: 1219
Joined: 30 Jan 2009 02:10
Location: Under some mossy rock
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby Ripley » 06 May 2010 15:22

Sou fã assumidíssima do Ciclo Terramar, desde a trilogia original publicada pela Argonauta. Quando saiu Tehanu, atendendo ao estado desses livros, voltei a comprá-los na edição da Presença.

Em relação à tradução da Presença, não gostei da alteração do nome Ged para Gued, embora possa aceitar que tenha a ver com a pronúncia da "nossa" parte. Mas para quem se sentiu, muitos anos antes, quase como se vivesse em Terramar, tal a riqueza das descrições e o ambiente criado por Ursula Le Guin, a alteração pareceu-me algo gratuita. A minha reacção ao pegar nesta nova edição e deparar-me com a mudança de grafia do nome foi "Que ofensa! Então isto faz-se ao herói de uma história como esta?"

Na trilogia original o ponto de vista narrativo deslocaliza-se de um volume para outro. Acompanhando Ged no primeiro, passa-se a Tenar no segundo e Lebannen no terceiro - mas Ged é e será até ao fim o herói e não apenas por ser o Arquimago. Nos dois livros escritos posteriormente, a história centra-se muito mais em Tenar, nas relações humanas e uma componente fortemente feminina/feminista como já foi discutido aqui, principalmente entre mim e a annawen embora também tenhas partipado, Cerridwen.

Faz parte da minha wishlist o Tales From Earthsea principalmente devido a questões levantadas no último livro do Ciclo. Em Num Vento Diferente fala-se de uma cisão muito antiga (o Verw Nadan) entre o mundo dos homens e dos dragões. Por aquilo que sei sobre Tales from Earthsea essa é uma das questões abordadas, além da própria criação de Roke e da proibição da sua magia às mulheres.


Há livros que, apesar de agradáveis, não nos "puxam" para voltar a lê-los. Não é decididamente o caso do Ciclo de Terramar para mim. Em vez de uma paixoneta que se arruma na prateleira, é uma relação de longa duração que me faz voltar a visitar o Arquipélago de vez em quando para reencontrar "velhos amigos" que conheço há lustros. E gosto imenso de lá ir. :)
"És a metade que me é tudo." [Pedro Chagas Freitas]
---§§§---
"O amor não se percebe. Não é para perceber. O amor é um estado de quem se sente. O amor é a nossa alma. É a nossa alma a desatar. A desatar a correr atrás do que não sabe, não apanha, não larga, não compreende." [Miguel Esteves Cardoso]

User avatar
annawen
Livro Raro
Posts: 1953
Joined: 18 Jan 2006 11:34
Location: Gaia
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby annawen » 06 May 2010 16:39

Pela minha parte, gostei de ler os 4 primeiros da saga. Que li em inglês na edição da Penguin. O mundo criado pela Ursula Le Guin é muito interessante. Não me admira que a Ripley fique fascinada. Não é bem o meu caso mas compreendo o sentimento pois sinto a mesma coisa em relação à Terra Média, por exemplo. No post que a Ripley deu o link, disse que o meu livro favorito é o segundo. Também gosto muito do Ged e o facto da autora se centrar mais na Tenar em "Tehanu" tirou um pouco o interesse, para mim, ao livro. Mas também é verdade que não sou grande apreciadora, para não dizer não sou nada, da escrita feminista.

User avatar
Ripley
Edição Limitada
Posts: 1219
Joined: 30 Jan 2009 02:10
Location: Under some mossy rock
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby Ripley » 06 May 2010 16:45

annawen wrote:Pela minha parte, gostei de ler os 4 primeiros da saga. Que li em inglês na edição da Penguin. O mundo criado pela Ursula Le Guin é muito interessante. Não me admira que a Ripley fique fascinada. Não é bem o meu caso mas compreendo o sentimento pois sinto a mesma coisa em relação à Terra Média, por exemplo. No post que a Ripley deu o link, disse que o meu livro favorito é o segundo. Também gosto muito do Ged e o facto da autora se centrar mais na Tenar em "Tehanu" tirou um pouco o interesse, para mim, ao livro. Mas também é verdade que não sou grande apreciadora, para não dizer não sou nada, da escrita feminista.


Off-Topic:
annawen, também gosto da Terra Média mas parece-me mais perdida nas lonjuras do tempo, se é que me faço entender. Não me faz sentir como se visitasse a terra onde cresci. Quando li a trilogia pela primeira vez era ainda chavalita e gostava de imaginar que era a Éowyn - sem contar com a cor do cabelo, claro.
Gosto de personagens femininas que dêem porrada nos mauzões :mrgreen:
"És a metade que me é tudo." [Pedro Chagas Freitas]
---§§§---
"O amor não se percebe. Não é para perceber. O amor é um estado de quem se sente. O amor é a nossa alma. É a nossa alma a desatar. A desatar a correr atrás do que não sabe, não apanha, não larga, não compreende." [Miguel Esteves Cardoso]

User avatar
Cerridwen
Edição Única
Posts: 7357
Joined: 01 Jan 2005 13:17
Location: Torres Vedras
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby Cerridwen » 06 May 2010 22:00

Ripley wrote:Em relação à tradução da Presença, não gostei da alteração do nome Ged para Gued, embora possa aceitar que tenha a ver com a pronúncia da "nossa" parte. Mas para quem se sentiu, muitos anos antes, quase como se vivesse em Terramar, tal a riqueza das descrições e o ambiente criado por Ursula Le Guin, a alteração pareceu-me algo gratuita. A minha reacção ao pegar nesta nova edição e deparar-me com a mudança de grafia do nome foi "Que ofensa! Então isto faz-se ao herói de uma história como esta?"

Apesar de ter lido apenas as edições da Presença, preferia que o tradutor tivesse mantido Ged e deixado uma nota sobre a pronúncia nos livros.

Ripley wrote:Na trilogia original o ponto de vista narrativo deslocaliza-se de um volume para outro. Acompanhando Ged no primeiro, passa-se a Tenar no segundo e Lebannen no terceiro - mas Ged é e será até ao fim o herói e não apenas por ser o Arquimago. Nos dois livros escritos posteriormente, a história centra-se muito mais em Tenar, nas relações humanas e uma componente fortemente feminina/feminista como já foi discutido aqui, principalmente entre mim e a annawen embora também tenhas partipado, Cerridwen.

Ainda escrevi umas linhas sobre isso no texto de opinião, mas não me pareceu compreensível para quem não tivesse lido os primeiros livros. E depois de algumas alterações ficou com alguns spoilers. :( Acabei por apagar aquela parte. É o que dá escrever apenas um texto sobre uma série de livros.

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby pco69 » 07 May 2010 08:30

Cerridwen wrote:Image Image Image Image Image
(...)

:bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow: :bow:
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Gaminha
Edição Limitada
Posts: 1363
Joined: 10 Jun 2009 16:53
Location: Porto
Contact:

Re: Ciclo de Terramar (Earthsea Cycle)

Postby Gaminha » 17 May 2010 13:50

O Feiticeiro e a Sombra
Autor: Ursula K. Le Guin
Data de Publicação: 1980
Editora: Livros do Brasil - Argonauta
Páginas: 208
ISBN: 9789723812473

Sinopse
"Numa terra longínqua chamada Terramar vive o maior de todos os arquimagos. O seu nome é Gued, mas há muito tempo atrás, ele era um jovem chamado Gavião, um ser estranho, irrequieto e sedento de poder e sabedoria, que se tornou aprendiz de feiticeiro. Neste livro conta-se a história da sua iniciação no mundo da magia e dos desafios que teve que superar depois de ter profanado antigos segredos e libertado uma negra e pérfida sombra sobre o mundo. Aprendeu a usar as palavras que libertavam poder mágico, domou um dragão de tempos imemoriais e teve que atravessar perigos de morte para manter o equilíbrio de Terramar. No meio de um suspense quase insustentável, de encontros místicos, de amizades inquebrável, de sábios poderosos e de forças tenebrosas do reino das trevas e da morte, Gued não pode vacilar, qualquer fraqueza sua fará perigar o equilíbrio que sustenta o mundo… e a sombra maléfica que ele libertou, gélida e silenciosa, só está à espera desse momento para devastar, com as suas asas negras, o mundo inteiro."

Recentemente republicado pela editora Presença, com o título «O Feiticeiro e a Sombra», dá inicio a uma tetralogia onde um novo mundo é construído e nos é apresentado cheio de pormenores deliciosos.
Uma obra que se distingue de qualquer outra obra de fantasia que já tenha lido, quer pela escrita elegante e calma da escritora, quer pelo enredo que alem de nos mostrar um novo mundo de magia, apresenta-nos também algo original. Mesmo depois de já ter tido contacto com outros mundos de magia, dando como exemplo o mais conhecido como Harry Potter, este primeiro livro com mais de 40 anos, consegue surpreender. Consegue mostrar algo mais profundo do que varinhas mágicas e birras infantis. Ged a personagem principal do ciclo, é uma personagem completa, com um poder imenso que desde muito novo se revela, mas também uma criança, que por sofrer privações, rapidamente demonstra ser orgulhosa e ambiciosa. Quer aprender depressa e muito. E como consequência desse orgulho cego, terá de enfrentar terminar o que começou.
A característica que mais me agradou foi a escrita a nível descritiva, a autora consegue levar-nos até Terramar. Contudo acho que a autora não se centrou suficientemente na acção central, tendo divagado na viagem de Ged querendo mostrar Terramar ao leitor, perdendo por vezes a atenção na perseguição de Ged.
Um livro muito agradável de ler, muito bonito e muito bem descrito.

Muito para ler
Image

User avatar
pco69
Cópia & Cola
Posts: 5488
Joined: 29 Apr 2005 23:13
Location: Fernão Ferro
Contact:

Re: Ciclo de Terramar - Ursula K. Le Guin

Postby pco69 » 01 Jun 2015 11:51

Acabei à pouco "Num vento diferente".

Regressei assim a Terramar. Um mundo da minha adolescência. Lembro-me que terei lido Tehanu à alguns anos, mas creio que a trilogia inicial será sempre superior aos dois livros seguintes. No entanto, estes acabam por ir a complementando e devem e podem ser lidos por quem tenha lido a trilogia inicial.

Aliás, para quem inicie agora a entrada em Terramar, creio que a leitura dos cinco livros será uma agradável surpresa. :)
Fenómenos desencadeantes de enfarte do miocárdio

Esforços físicos, stress psíquico, digestão de alimentos, coito, tempo frio, vento de frente e esforços a princípio da manhã.

Ou seja, é extremamente perigoso fazer sexo ao ar livre com vento de frente, após ter tomado o pequeno almoço numa manhã de inverno...

User avatar
Cabeças
Comic Book
Posts: 110
Joined: 12 Sep 2010 21:53
Contact:

Re: Ciclo de Terramar - Ursula K. Le Guin

Postby Cabeças » 16 Jun 2015 04:19

Vivam,

A trilogia Terramar inicial foi das obras para mim mais encantadoras :bow: da Colecção Argonauta, e li o primeiro volume quando foi cá publicado, no longínquo ano de 1980... há já 35 anos!

Também eu senti durante muitos anos a necessidade de revisitar Terramar, ao ponto de sobretudo no primeiro livro, sentir saudades de o ler mas sentir alguma perda por já conhecer o texto todo!

Confesso que foi uma grata surpresa descobrir, em mais esta noite de insónias, este tópico. Eu sabia que a Ursula tinha publicado mais obras da saga, mas entretanto com o tempo esqueci-me. Vou agora ver se consigo arranjar os tais dois últimos livros publicados pela Presença.

E sim... também concordo que a alteração do nome para "Gued" foi lamentável e merecia que o responsável por essa barbaridade fosse transformado num burro de Miranda durante pelo menos 6 meses. :pissed:

Uma última nota: quando em 2001 assisti ao Harry Potter no Cinema, lembrei-me imediatamente da história do Ged. Claro que a história não é uma colagem, mas sempre pensei que a J. K. Rowling teria bebido muita da inspiração que teve na obra Terramar da Úrsula K. Le Guin!... :whistle:

Abraços


Return to “Autores F - J”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron